Arana é destaque na imprensa italiana e interessa a grandes times europeus

Arana é destaque na imprensa italiana e interessa a grandes times europeus

Por Meu Timão

15 mil visualizações 107 comentários Comunicar erro

Guilherme Arana pode ser alvo de três clubes europeus

Guilherme Arana pode ser alvo de três clubes europeus

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O lateral esquerdo Guilherme Arana acaba de se recuperar de lesão e ser liberado para treinar com o grupo do Corinthians. No entanto, mesmo sem estrear profissionalmente, ele já desperta o interesse de grandes clubes europeus.

Segundo o portal "CalcioNews24.com", três clubes estão interessados em contratar Arana: Inter de Milão, Atlético de Madri e Udinese. A publicação ainda afirma que notícias sobre o futuro do jovem jogador podem ser divulgadas já na próxima semana.

Guilherme Arana é classificado pelo portal italiano como um jogador de excelente técnica, grande velocidade e personsalidade - "essas são apenas algumas das qualidades de Arana".

A publicação ainda é acompanhada por um vídeo de quase dez minutos com lances de Arana com a camisa do Corinthians na temporada de 2014. O vídeo é produzido pela Art Sports, agência responsável pela carreira do lateral, que tem como um dos donos o empresário Fernando Garcia.

Confira a publicação sobre Arana no portal da Itália

Veja Mais:

  • Torcedor apaixonado pelo Corinthians, Senna é inspiração de novo uniforme

    Nova terceira camisa do Corinthians ganha data de lançamento

    ver detalhes
  • Prejudicado pela arbitragem, Timão empatou com Internacional na Arena Corinthians

    Confira a posição do Corinthians ao fim da 26ª rodada do Brasileirão-18

    ver detalhes
  • Jogadores ficarão concentrados no CT por dois dias

    Corinthians antecipa concentração no CT antes de semifinal contra o Flamengo

    ver detalhes
  • Desfalques por suspensão contra Internacional, Ralf treinou no CT do Corinthians

    Com reservas em ação, Corinthians dá início a preparação para decisão na Copa do Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes