Romário critica Ronaldo e vê ídolo corinthiano despreparado para CBF

Romário critica Ronaldo e vê ídolo corinthiano despreparado para CBF

Por Meu Timão

Romário criticou Ronaldo em relação à CBF

Romário criticou Ronaldo em relação à CBF

Foto: José Cruz/ABr

Companheiros de Seleção Brasileira no final da década de 1990 e no início dos anos 2000, os atacantes Romário e Ronaldo se conhecem de longa data. Ambos se afastaram dos campos e seguiram rumos diferentes, e Romário se aventurou no campo da política, tornando-se senador, pelo Rio de Janeiro. Conhecido por tratar de questões polêmicas, falou sobre uma possível candidatura do ex-corinthiano à presidência da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

"Ronaldo não. Longe disso. Ele não faz parte da sacanagem do futebol. Infelizmente, na Copa, escolheu o lado errado. No final, meteu o pé e entende que esses caras não são o que ele pensava que eram. Mas, para ser presidente da CBF, ele não tem condição nenhuma em termos de preparação", analisou Romário, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Foi com a Copa do Mundo que Ronaldo e Romário passaram a discordar. Enquanto o jogador, que marcou história no Corinthians, aliou-se à CBF e foi membro do COL (Comitê Organizador Local), o político adotou um posicionamento crítico quanto à realização do evento no país.

Nos bastidores do futebol, especula-se a renúncia de Marco Polo Del Nero e o Ronaldo Fenômeno, que já se manifestou em público pedindo o afastamento do atual presidente, seria uma opção. Vendo o "Fenômeno" despreparado, o "baixinho" citou outro ex-jogador, que vê como capacitado para assumir um cargo na entidade máxima do futebol brasileiro.

"Uma pessoa que atuou em todas as posições do futebol foi o Leonardo. Não estou dizendo que ele deva assumir. Mas é uma pessoa que tem condições. Já teve experiência e seria um nome interessante", afirmou.

Pensando nas próximas eleições da presidência da FIFA, o ex-jogador também falou sobre a candidatura de Zico. "Ele (Zico) sabe que não pode depender da CBF para isso. A CBF vai votar em quem o Blatter mandar", disse. "Dois ladrões se combinam", finalizou.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes