'Presenteado' com gol, Tite cobra e ainda espera por outro tento do zagueiro

'Presenteado' com gol, Tite cobra e ainda espera por outro tento do zagueiro

Por Meu Timão

Gil segue 'devendo' um gol para Tite

Gil segue 'devendo' um gol para Tite

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O gol marcado por Gil na vitória do Corinthians por 3 a 0 sobre o Vasco, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, não foi o suficiente para livrar o zagueiro da 'dívida' com o técnico Tite. Segundo o comandante corinthiano, o defensor segue devendo, já que não teve a intenção de balançar as redes do adversário.

“Olha, continua devendo porque tu foi cruzar a bola, não foi chutar no gol”, disse o treinador em participação no programa 'Os Donos da Bola', revelando o diálogo com Gil. O técnico ainda explicou como começou a cobrança pelo gol do zagueiro.

“Fazia algum tempo que ele não marcava. Aí eu disse a meu favor não vai? Aí ele falou: ‘É estou te devendo professor’. Faz oito meses e eu ficava cobrando", explicou Tite, que contará com o camisa 4 no clássico deste domingo, contra o São Paulo, às 16h, no Morumbi.

Desde 2013 no Alvinegro, Gil forma ao lado de Felipe, a dupla de zaga menos vazada da competição nacional com somente nove gols sofridos. Em 161 partidas com a camisa Alvinegra, o defensor marcou seis gols. Já em 2015, foi o primeiro dele.

Veja Mais:

  • Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

    Em nota oficial, Corinthians anuncia saída de Adauto e Piovesan

    ver detalhes
  • Andrade permanece à frente do Corinthians apenas até fevereiro de 2018

    Corinthians estima superávit em 2018; clube pretende arrecadar R$ 50 milhões em vendas

    ver detalhes
  • Alessandro falou sobre o planejamento do Corinthians para 2018

    Alessandro explica busca de reforços e comenta volta de dois emprestados: 'Díficil'

    ver detalhes
  • Super carros do Monster Jam já estão na Arena Corinthians

    Carros gigantes chegam à Arena Corinthians para evento deste sábado; veja fotos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes