Com dores no quadril, Renato Augusto foi exemplo de superação no clássico

Com dores no quadril, Renato Augusto foi exemplo de superação no clássico

Por Meu Timão

No clássico, Renato Augusto permaneceu 90 minutos em capo

No clássico, Renato Augusto permaneceu 90 minutos em capo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Renato Augusto foi um exemplo de superação neste domingo, no empate em 1 a 1, contra o São Paulo, no Morumbi. Depois de passar parte da última semana sem conseguir treinar, devido à uma inflamação no nervo ciático, o jogador foi titular e não precisou ser substituído em campo. Sobre a atuação do meia, o técnico Tite exaltou suas qualidades.

"Ele tem experiência associada à qualidade de jogador com passe, tem a retenção da bola. O São Paulo estava se expondo bastante e com a expulsão (do zagueiro Felipe), fez-se necessária a permanência dele na partida inteira. Ele se superou", afirmou o treinador.

Depois de comemorar os 90 minutos em campo e exaltar o resultado garantido fora de casa, Renato Augusto deve seguir em treinamento e recuperação para que também possa ser titular nesta quarta-feira, contra o Sport, na Arena Corinthians.

"Se eu consegui jogar esse jogo (contra o São Paulo), quarta-feira com certeza vou jogar. Vou deitar agora e tentar descansar. O Fábio Santos sempre brincava que a gente tinha que deitar, não sentar, porque descansa. Vou fazer isso e tentar recuperar ao máximo. Todo jogo no Brasileirão é corrido e brigado, não tem jogo para descansar. Então quero estar bem", disse o jogador após o clássico.

"No Brasileiro precisa pontuar fora e vencer em casa. Se continuar nessa batida, vamos continuar brigando pelo titulo", finalizou.

Veja Mais:

  • Com a 9 corinthiana, Luizão foi artilheiro da Libertadores de 2000, com 15 gols

    Ao Meu Timão, Luizão fala da busca do Corinthians por centroavante: 'Se cavar, acha na Argentina'

    ver detalhes
  • Camacho (à dir.) ganhou oportunidade entre os titulares no treino desta sexta

    Carille esboça time titular com uma troca; chance de mudança no esquema existe

    ver detalhes
  • Emerson Sheik com a camisa do Corinthians em coletiva no CT

    Emerson Sheik é apresentado, diz entender desconfiança e promete dar resposta em campo

    ver detalhes
  • Sheik assinou contrato até o fim de junho

    Emerson Sheik fala sobre contrato de seis meses, aposentadoria e possível renovação com Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes