Tite cumpre palavra e fala sobre lances de Uendel e Felipe no clássico

Tite cumpre palavra e fala sobre lances de Uendel e Felipe no clássico

Tite disse que daria pênalti no lance de Uendel contra o São Paulo

Tite disse que daria pênalti no lance de Uendel contra o São Paulo

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Na coletiva de imprensa após o empate contra o São Paulo, no domingo, o técnico Tite preferiu não polemizar sobre a arbitragem do jogo. Na ocasião, prometeu que iria ver os lances de Uendel e Felipe e depois daria a sua opinião.

Nessa terça-feira, novamente em coletiva, o treinador cumpriu a sua promessa e falou sobre os lances. Para ele, Felipe não deveria ter sido expulso e na jogada de Uendel ele teria dado pênalti.

"Se eu fosse árbitro, dava pênalti no lance do Corinthians. Não vou falar sobre outros lances e situações porque serei oportunista. Campeonato dá, campeonato tira. Em outros jogos nos tiraram pênaltis. Foi justo. E foi justo nem amarelo e nem falta foi do Felipe. Foi muito claro para mim. Ele ganhou a bola na velocidade e na força. Errou no momento do primeiro cartão", declarou o técnico.

Ainda falando de arbitragem, o comandante alvinegro falou sobre a escolha de Luiz Flávio de Oliveira para apitar o jogo contra o Sport. O árbitro é paulista e seus auxiliares também. A diretoria do time de Pernambuco entrou com pedido na CBF para a alteração do trio de arbitragem.

"Fiquei pensando aquilo que eu deveria dizer para vocês. Vou dizer o que intimamente a pessoa Adenor pensa. Primeiro, torço muito para a arbitragem fazer um grande jogo. Segundo que é uma insensibilidade de quem comanda. Há uma série de árbitros importantes de outros estados. Isso só gera pressão. Tem de cuidar é do espetáculo", comentou o treinador.

"Coloquem os prós e contras disso, coloquem quem erra e quem acerta, mas não há necessidade de colocar árbitros em saia justa e pressionados", completou

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes