Após seis meses, Gobbi se afasta do Corinthians e assume delegacia

Após seis meses, Gobbi se afasta do Corinthians e assume delegacia

Por Meu Timão

4.5 mil visualizações 64 comentários Comunicar erro

Mário Gobbi se mantém afastado do Corinthians

Mário Gobbi se mantém afastado do Corinthians

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Seis meses após deixar o cargo de presidente do Corinthians, Mário Gobbi tem seguido sua vida. O agora ex-dirigente, "esqueceu" o Alvinegro, assumiu uma nova delegacia e perdeu 12 kg. Longe da rotina de cobranças vivida no clube do Parque São Jorge, ele agora convive como um cidadão normal.

O delegado que antes fazia parte do Departamento de Proteção à Cidadania, agora assumiu uma nova função na 1ª Delegacia de Crimes contra a Saúde Pública. A informação é da ESPN.

Em seus últimos meses de mandato no Corinthians, Mário Gobbi havia prometido se afastar completamente da rotina política do Corinthians, se tornando somente um torcedor. Ao que tudo indica, ele está cumprindo o que disse. Se antes o ex-dirigente apresentava complicações em sua saúde, tomando remédios para colesterol alto, pressão, diabetes e stress, agora o cenário é completamente diferente.

Após ficar 50 dias em um retiro, além de todo o peso perdido, Gobbi diminuiu a quantidade de remédios que vinha consumindo e sua saúde já se mostra mais estável. Nos últimos seis meses, o ex-cartola participou apenas de algumas reuniões entre sócios do Timão, evitando se envolver mais do que isso na política do clube.

Nem mesmo ao estádio tem comparecido. Prefere assistir aos jogos do Corinthians pela televisão e já não possui mais o mesmo contato com jornalistas e outras pessoas que não eram tão próximas nos tempos de dirigente. Agora, o ex-presidente prefere aproveitar seu tempo para sair com a família, visitar Jaú, sua cidade natal, e sair com amigos.

No ciclo de amizades dele, porém, ainda permanecem alguns nomes conhecidos da torcida corinthiana. Nos últimos tempos, foi visto em cafés com Luiz Paulo Rosenberg e Ronaldo Ximenes, ex-vice e ex-diretor de futebol, respectivamente.

Por mais que evite falar sobre a política corinthiana, Gobbi se orgulha de ver que o time considerado titular por Tite e que é o líder do Brasileirão, foi todo montado em sua gestão. Além disso, para amigos mais próximos, o delegado confidenciou a felicidade de ter conquistado os títulos do Paulista, Recopa, Libertadores e Mundial.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes
  • Argentino Mauro Boselli já treina com bola e pode estrear no fim de semana

    Carille é cauteloso, mas não descarta estreia de Boselli contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Arana voltou a atuar pelo Sevilla, mas segue na mira do Corinthians

    Duílio garante que rumo das negociações não mudam após Arana voltar a atuar pelo Sevilla

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes