Cartola que desviou dinheiro da família de garoto Kevin é destituído do cargo na Bolívia

Cartola que desviou dinheiro da família de garoto Kevin é destituído do cargo na Bolívia

Por Meu Timão

Torcida do Corinthians lembra do acidente que matou o torcedor boliviano Kevin Espada

Torcida do Corinthians lembra do acidente que matou o torcedor boliviano Kevin Espada

Foto: Julia Chequer/Folhapress

O presidente da Federação Boliviana de Futebol, Carlos Chávez, acusado de desviar a renda do amistoso, entre Bolívia e Brasil, em 2013, que iria para a família do garoto Kevin Espada, foi destituído de seu cargo, na última terça-feira (21). Com isso, Marco Ortega, presidente da Liga de Futebol Profissional Boliviano assume a função interinamente, até a realização de uma nova eleição, que deve acontecer dentro de um prazo de 30 dias.

"Foi resolvido revogar o mandato do Sr. Carlos Landivar Chavez como presidente da FBF e, consequentemente, encerrar suas funções", disse em entrevista aos jornalistas locais, o secretário-geral da instituição, Walter Torrico

Kevin Espada faleceu durante a partida entre San José e Corinthians, pela Libertadores de 2013. Na época, ele acabou acertado por um sinalizador. Com isso, da renda de R$ 1,087 milhão do amistoso entre as seleções, realizado no mesmo ano, R$ 42 mil iriam para a família do garoto, a quantia, porém, nunca chegou até as mãos dos familiares.

"Faz tempo que não contamos mais com a suposta doação. O mais importante é que essas pessoas sejam devidamente punidas, porque o que fizeram é a coisa mais baixa que se pode fazer: manipular os sentimentos de pessoas. Eles se aproveitaram da morte do meu filho para promover aquela partida", afirmou Limbert Beltran, pai de Kevin, em recente entrevista à Gazeta Esportiva.

Após isso, Carlos Chávez acabou preso, juntamente com Alberto Lozada, secretário executivo acusados de diversos crimes durante seu mandato.

Veja Mais:

  • Carille comandou o treino do Corinthians deste sábado, no CT Joaquim Grava

    Pablo treina, e Carille define escalação do Corinthians contra o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson foi relacionado pela primeira vez no Corinthians

    Com estreia de Clayson e Pablo, Corinthians relaciona 22 contra Atlético-GO

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes