Com derrota, Corinthians deixa Copa do Brasil e volta atenções para o Brasileirão

Corinthians Corinthians 1 x 2 Santos Santos

Copa do Brasil 2015

Com derrota, Corinthians deixa Copa do Brasil e volta atenções para o Brasileirão

Por Meu Timão

Corinthians não conseguiu reverter o placar e acabou fora da Copa do Brasil

Corinthians não conseguiu reverter o placar e acabou fora da Copa do Brasil

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians recebeu o Santos na noite desta quarta-feira. Em dia de Arena lotada e festa da Fiel, a equipe comandada por Tite tinha a obrigação de reverter a desvantagem no placar da partida de ida, quando a equipe perdeu por 2 a 0 na Vila Belmiro.

Apesar do apoio da Fiel, porém, o desafio era difícil para o Corinthians: reverter os gols sofridos e conseguir uma vitória de dois gols (para disputa de pênaltis) ou mais, para garantir a classificação e seguir para a próxima fase.

Esperançosa graças à vitória por 3 a 0 na última partida, contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro, a torcida corinthiana não parou de gritar. A vitória valeria não só a manutenção da invencibilidade de oito jogos na Arena, como permitiria, enfim, quebrar a sequência de derrotas em clássicos.

Primeiro tempo

Os minutos iniciais foram marcados por muita pressão da equipe corinthiana. Precisando do resultado, o time avançou para o ataque e criou muitas chances, mas acabou se expondo em excesso - e sofreu o revés.

Aos 15 minutos da primeira etapa, em jogada de contra-ataque, o Santos chegou com Gabriel e aumentou a vantagem. Com o placar vantajoso para o rival, o Timão precisaria chegar aos quatro gols para conseguir a classificação.

Por isso, o time tentou muito, mas se mostrou abalado após o gol. O Corinthians cedeu ao nervosismo e teve muitas dificuldades para criar as jogadas a partir desse momento. Nervoso, o Timão criou bem menos e foi abrindo espaço para as chegadas da equipe santista.

A última tentativa corinthiana, aos 45, foi de Renato Augusto que deu um bonito chute contra o gol de Vanderlei. Frustado, porém, o meia corinthiano afirmou na saída para o intervalo que a classificação se mostrava impossível e que a luta seria para sair com a vitória.

Segundo tempo

Sem quatro dos seus tradicionais titulares, Tite preferiu apostar na manutenção da equipe reserva. Por isso, a única mudança foi a saída de Bruno Henrique para a entrada de Cristian, sem mudança tática na equipe.

Aos dez minutos da etapa, Tite fez outra alteração, colocando Romero no lugar de Matheus Pereira. E mesmo com a desvantagem no placar, a Fiel torcida continuou apoiando muito a equipe e se fez ouvir na Arena.

Apesar disso, o apoio dos corinthianos não ajudou e exatamente dez minutos depois o time levou o segundo gol. Com o resultado definido e a eliminação praticamente confirmada, o Timão parecia estar pronto apenas para torcer pelo fim da partida.

Felipe, com um cartão amarelo, chegou a sentir dores e foi substituído por Dracena aos 22 minutos de jogo. Aos 28 minutos, o Corinthians ainda diminuiu com Romero: o paraguaio recebeu passe de Love e jogou com precisão para o fundo das redes.

Apesar da reação, o Timão levou a derrota e o único espetáculo ficou por conta da torcida que apoiou o time durante ininterruptos 90 minutos. Agora, a equipe trabalhará com foco total no Brasileiro, e deve direcionar seus esforços em manter a liderança da competição.

O próximo jogo do Corinthians será no domingo, quando a equipe enfrenta a Chapecoense, às 16h, na Arena Condá. Nesta nova fase, o desafio da comissão técnica e do treinador será recuperar os jogadores, que sofrem com o cansaço físico, para atuações com força máxima na competição de pontos corridos.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Santos

  • 1000 caracteres restantes