Roberto de Andrade volta a alfinetar rivais sobre 'esquema corinthiano'

Roberto de Andrade volta a alfinetar rivais sobre 'esquema corinthiano'

26 mil visualizações 138 comentários Comunicar erro

Roberto de Andrade brincou sobre as teorias de conspiração a favor do Timão

Roberto de Andrade brincou sobre as teorias de conspiração a favor do Timão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O presidente Roberto de Andrade voltou a falar sobre as críticas de que existe um esquema para favorecer o Corinthians no Campeonato Brasileiro. De maneira irônica, o mandatário brincou com o apresentador Milton Neves, durante bate-papo na Rádio Bandeirantes, ainda na Arena Corinthians.

"O jogo do Joinville mudou para quinta-feira porque o Corinthians pediu para fechar o aeroporto", declarou, brincando em alusão a alteração do jogo do próximo adversário do Timão.

O Joinville iria jogar nesta quarta, mas por problemas com a chegada da Chapecoense - adversário do time - a CBF alterou a data do jogo para quinta-feira. No entanto, a equipe enfrenta o Timão no domingo, às 11h.

Inspirado, Roberto de Andrade ainda brincou sobre a neblina que tomou conta da Arena Corinthians na noite desta quarta-feira. Segundo ele, o Corinthians comprou uma máquina para fazer a neblina e prejudicar o Grêmio.

Veja Mais:

  • Danilo Avelar jogou 25 dos 42 jogos do Amiens na França

    Corinthians agenda exames para Danilo Avelar e aguarda resultados para anunciar reforço

    ver detalhes
  • Sub-20 do Corinthians tem mais uma partida na Fazendinha nessa semana

    De decisão no basquete à agenda cheia na base: os compromissos do Corinthians na semana

    ver detalhes
  • Corinthians e São José voltam a se enfrentar pelas finais da Liga Ouro nesta segunda

    Corinthians joga nesta segunda no Parque São Jorge para se reabilitar nas finais da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Thiaguinho é um dos mais cotados a substituir Maycon no Corinthians

    Emprestados, contratação e opções no elenco: a 'volância' do Corinthians pós-Maycon

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes