Há cinco anos, estreante vindo do Bragantino marcava gol contra o Santos

Há cinco anos, estreante vindo do Bragantino marcava gol contra o Santos

Por Meu Timão

Paulinho veio do Bragantino e virou ídolo da Fiel

Paulinho veio do Bragantino e virou ídolo da Fiel

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Há cinco anos atrás, o treinador Mano Menezes e a dupla de volantes era - novamente, Elias e Ralf. Porém, no banco de reserva, um jogador recém-chegado do Bragantino, ainda sem muita pompa, estava prestes a entrar para a história do Corinthians.

José Paulo Bezerra Maciel Jr., o Paulinho, ainda não tinha feito o gol que o colocaria com status de ídolo inesquecível da Fiel. Este, só aconteceria dois anos depois, no Pacaembu, por partida decisiva da conquista invicta da Libertadores.

Por isso, em março de 2010, o desconhecido Paulinho fazia seu debut para a Fiel. No Pacaembu, o jogador marcou contra o Santos o seu primeiro gol com a camisa corinthiana. A jogada, saiu de um passe de Roberto Carlos e o volante não perdoou, mandando para o fundo das redes.

Domingo, talvez a história se repita. O técnico não é mais o mesmo, tampouco a casa. De igual, apenas a dupla de volantes e a chegada de um novo jogador: Lincom, do Bragantino. O atacante já vem treinando com a equipe e poderia fazer sua estreia no clássico.

Além de Paulinho, Romarinho - que também veio do time de Bragança, foi outro a estreiar com sucesso em clássico: na ocasião, o jogador entrou como titular contra o Palmeiras e definiu a partida marcando dois gols.

Veja Mais:

  • Equipe superou o erro da arbitragem e venceu clássico com um a menos

    Épico! Histórico! Na raça! Corinthians supera lambança da arbitragem e vence o Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Victor Hugo, do Palmeiras, deu uma cotovelada no rosto de Pablo, do Corinthians

    Sem bola, Victor Hugo dá cotovelada em rosto de Pablo

    ver detalhes
  • Thiago Duarte Peixoto deixa a Arena Corinthians de terno e gravata

    Com lágrima no olho, árbitro assume erro com Gabriel: 'Só peço que minha carreira não acabe'

    ver detalhes
  • TV fez leitura labial do quarto árbitro

    TV faz leitura labial de quarto árbitro: 'Não foi o Gabriel'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes