Com três pendurados, Timão vai precisar segurar os ânimos no clássico

Com três pendurados, Timão vai precisar segurar os ânimos no clássico

Por Meu Timão

2.3 mil visualizações 36 comentários Comunicar erro

Cássio e Malcom estão pendurados

Cássio e Malcom estão pendurados

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Não bastasse o calor e a dificuldade de um clássico, o Timão ainda precisará ficar atento a mais um fator na partida deste domingo: o número de cartões amarelos. Isso porque três dos 11 titulares de Tite estão pendurados e podem ter que cumprir suspensão.

O Corinthians tem, até agora, o segundo menor número de cartões da competição - 45 no total - ficando atrás apenas do Sport no quesito fair play. Apesar disso, o elenco chega ao clássico correndo risco de perder jogadores importantes.

São eles Cássio, Malcom e Renato Augusto. Todos com dois amarelos cada um, eles poderiam ficar fora do confronto contra o Figueirense, que acontece no próximo domingo, 27. Dos três, a ausência mais sentida seria a de Renato, que em grande fase, também pode acabar desfalcando o time graças às convocações para a seleção.

Além dos pendurados, o Timão tem outros amarelados. Dentre os titulares, Love, Jadson e Ralf contabilizam um cartão amarelo cada, ao lado de Danilo e Cristian entre os reservas.

Veja Mais:

  • Fabricio Oya marcou outra vez pelo Corinthians e ajudou a garantir a vaga na semi

    Com gols de artilheiros, Corinthians despacha Grêmio e vai à semifinal da Copinha

    ver detalhes
  • Roger se despediu dos seus companheiros na tarde desta sexta-feira no CT

    Sem espaço no Corinthians, Roger pede rescisão e é atendido pela diretoria

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi anunciado como reforço do Cruzeiro

    Marquinhos Gabriel deixa Corinthians e é anunciado pelo Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro está confirmado por Carille e médicos do Corinthians para a partida deste domingo

    Carille confirma escalação do Corinthians para estreia do Paulistão; Ramiro tem situação atualizada

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes