Projeto de Champions das Américas se aproxima de premiação da Champions europeia

Projeto de Champions das Américas se aproxima de premiação da Champions europeia

Por Meu Timão

Campeão do Champions League irá faturar R$ 230 milhões, 10 vezes mais do que o campeão da Libertadores

Campeão do Champions League irá faturar R$ 230 milhões, 10 vezes mais do que o campeão da Libertadores

Foto: Divulgação

A ideia de uma Champions League das Américas, envolvendo todo o poder econômico e a febre de futebol que vive os Estados Unidos, promete agitar o mercado sul-americano. Com a expectativa de início em 2017 pagando aproximadamente 5 milhões de dólares a todos os clubes participantes, o projeto que nem saiu do papel já pressiona a Conmebol a pagar novos valores em 2016 para a Libertadores.

Em 2015, a maior competição das Américas distribuiu valores tão baixos que fez o Corinthians repensar a participação do clube na próxima edição do campeonato, quando Andrés Sanchez cogitou fazer uma campanha para o Timão simplesmente deixar de jogar a competição, mesmo terminando o Brasileirão no G4.

Após ter jogado a fase prévia e a fase de grupos e alcançando às quartas de final da Libertadores 2015, o Timão faturou U$ 1.7 milhões na competição (aproximadamente R$6 milhões com a cotação do dólar em julho de 2015). O valor representa cerca de 42% do que o Corinthians recebeu para jogar o Campeonato Paulista do mesmo período (R$14 milhões).

Se a Champions League das Américas seguir a proporção da Libertadores das Américas ou da Champions League, onde cada classificação à fase seguinte significa mais dinheiro aos cofres dos clubes, o total da premiação do projeto pode chegar a U$270 milhões (aproximadamente R$1.040.000.000,00), sendo que a equipe campeã deve faturar cerca 9.9% do total da premiação (cerca de R$98 milhões), algo um pouco mais próximo do valor pago ao Campeão da Champions League (54 milhões de euros, cerca de R$ 230 milhões).

Veja a comparação entre as premiações

Premiação da Libertadores das Américas 2015

Fase préviaU$ 250.000,00(aproximadamente R$1.000.000,00)
Fase de gruposU$ 900.000,00(aproximadamente R$3.600.000,00)
Oitavas de finalU$ 550.000,00(aproximadamente R$2.200.000,00)
Quartas de finalU$ 650.000,00(aproximadamente R$2.600.000,00)
Semi finalU$ 700.000,00(aproximadamente R$2.800.000,00)
Vice campeãoU$ 1.000.000,00(aproximadamente R$4.000.000,00)
CampeãoU$ 2.300.000,00(aproximadamente R$ 9.200.000,00)

Premiação da Champions League 2015/2016

Fase de grupos€ 8.600.000,00(aproximadamente R$ 37.840.000,00)
Oitavas de final€ 5.500.000,00(aproximadamente R$24.200.000,00)
Quartas de final€ 6.000.000,00(aproximadamente R$ 26.400.000,00)
Semi final€ 7.000.000,00(aproximadamente R$30.800.000,00)
Vice campeão€ 10.000.000,00(aproximadamente R$44.000.000,00)
Campeão€ 15.000.000,00(aproximadamente R$66.000.000,00)

Premiação da Champions League das Américas (projeção)

Fase de gruposU$ 5.000.000,00(aproximadamente R$20.000.000,00)
Oitavas de finalU$ 3.200.000,00(aproximadamente R$12.800.000,00)
Quartas de finalU$ 3.500.000,00(aproximadamente R$14.000.000,00)
Semi finalU$ 4.000.000,00(aproximadamente R$16.000.000,00)
Vice campeãoU$ 6.000.000,00(aproximadamente R$24.000.000,00)
CampeãoU$ 9.000.000,00(aproximadamente R$36.000.000,00)

Após a pressão do Corinthians e de outros clubes da América Latina, a Conmebol anunciou nesta semana que irá reajustar os valores pagos já na Libertadores 2016. O Corinthians, atual líder do Campeonato Brasileiro, tem 99.8% de chances de se classificar para a competição.

Veja Mais:

  • Sob comando de Coelho, Timãozinho cai nas oitavas da Copinha

    Falhas individuais custam caro, e Corinthians é eliminado da Copinha

    ver detalhes
  • Superado pelo Avaí, o Timãozinho deu adeus à Copinha de 2018

    Em partida sem craques, Fiel não perdoa Corinthians por eliminação na Copa São Paulo de 2018

    ver detalhes
  • Bilu esconde choro após derrota do Timão para o Avaí

    Corinthianos deixam campo às lágrimas após queda na Copinha; Coelho: 'Perdemos para nós mesmos'

    ver detalhes
  • Alessandro é homem forte do futebol corinthiano neste início de 2018

    Alessandro abre o jogo sobre Henrique Dourado e busca do Corinthians por camisa 9

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes