Na reta final do Brasileirão, Tite faz pedido ao torcedor corinthiano

Na reta final do Brasileirão, Tite faz pedido ao torcedor corinthiano

Por Meu Timão

Tite falou sobre a empolgação do elenco corinthiano

Tite falou sobre a empolgação do elenco corinthiano

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Líder incontestável do Campeonato Brasileiro, o Corinthians acumula 61 pontos, conquistados em 18 vitórias, sete empates e quatro derrotas. Na reta final do torneio, a ânsia pelo título aumenta, mas o técnico Tite fez um pedido ao torcedor corinthiano.

"Peço que ele continue dando esse auxílio, porque a nossa ansiedade é a mesma que a dele. A minha, a da comissão, a dos atletas... Espero que eles tenham essa compreensão e continuem nos ajudando nos momentos em que o atleta erra, o técnico erra... E focar no nosso trabalho, nada em relação ao adversário. Dá para curtir com o que a gente está fazendo de bom. Claro que tem a brincadeira. Mas nada que fuja do lado esportivo. Vamos ficar atentos a nós, incentivando a gente, como a torcida tem feito em nossa casa. Isso tem sido um diferencial na campanha", afirmou o treinador, em entrevista ao Lance!.

"A gente criou relação com o torcedor de ele acreditar na equipe, apoiar em muitos momentos em que o atleta precisa disso. É normal o torcedor reclamar, ele está ali na emoção do jogo, eu como torcedor às vezes xingo e falo. Mas ele está entendendo. Teve um lance errado do Malcom recentemente e aí houve um burburinho. Uns começaram a reclamar, outros aplaudir, e eu aplaudi. Aí o pessoal entendeu e veio junto. Em um momento bom é fácil apoiar, mas na adversidade... Essa situação se criou, o torcedor se identificou bastante. Isso ajuda a explicar a força que temos em casa", falou Tite, ainda sobre o forte vínculo com a Fiel.

O último título do Brasileirão conquistado pelo Timão foi em 2011, quando o elenco contava com nomes como Paulinho, Alessandro, Chicão, Liedson, entre outros jogadores importantes. Tite, lembrando dessa equipe vencedora, comparou o time atual e se empolgou ao descrever o sentimento do grupo.

"Aquele time era cascudo, vencedor, embora ainda tivesse fome de vencer. Já agora, vi uma declaração recente do Jadson, um dos pilares do nosso time, que falou o seguinte: 'Eu não fui campeão pelo Corinthians'. Aí comecei a elencar os atletas que estavam aqui em 2011. Vi que tem Danilo, Ralf... O Cássio só chegou em 2012. Sinto nesse grupo que ele observa muito, já aprende e testa as soluções que passamos. Quando falamos 'isso está errado', o atleta já leva para o outro jogo e arruma. Este grupo está com tesão para c... por esse campeonato. Associado aos três títulos que perdemos, o tesão que esse grupo tem... Você pede para fazer, e eles falam 'vamos nessa', estão sedentos", contou.

Apesar do enorme entusiasmo, a nove rodadas do término da competição, o treinador alvinegro também aconselha os jogadores para controlarem a ansiedade. "Eu falo: 'Invista um pouquinho, segura, fica com a família, depois vai dar entrevista para todo mundo'. Pedi para segurarem as entrevistas, não para atrapalhar o trabalho da imprensa, mas para manter o foco", arrematou Tite.

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes