Roberto de Andrade se explica por comentário sobre Democracia Corinthiana

4.7 mil visualizações 56 comentários

Por Meu Timão

Roberto de Andrade explicou sua intenção com comentários sobre a Democracia Corinthiana

Roberto de Andrade explicou sua intenção com comentários sobre a Democracia Corinthiana

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

No início do mês, uma declaração polêmica do presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, repercutiu muito na imprensa. O mandatário do Timão declarou que a Democracia Corinthiana não trouxe benefícios para o clube.

Nesta segunda-feira, durante participação no programa Boa Noite Fox, do canal Fox Sports, o mandatário alvinegro esclareceu a situação e disse que foi mal interpretado e que o contexto real da pergunta não foi divulgado.

"Eu vou explicar o que aconteceu. Eu estava na CPI do Futebol, o contexto da conversa era completamente diferente do que foi parar na Democracia. Nós estávamos conversando sobre a parte financeira dos clubes. O senador fez uma pergunta para mim e ele, do nada, perguntou se a Democracia Corinthiana tinha contribuído ao clube", iniciou o presidente.

"Como eu estava com a cabeça voltada para a área financeira, o que veio a cabeça foi se aquilo tinha contribuído aos cofres do Corinthians, se o Corinthians tinha crescido financeiramente. E eu respondi que não, que aquilo era um movimento, eu não fui para o lado político, como foi a Democracia", completou, explicando o que pensou quando fez a declaração.

Roberto de Andrade ainda aproveitou para pedir desculpas aos envolvidos, como o ex-jogador Casagrande, que chegou a rebater a declaração do presidente do Timão.

"É até bom perguntar, porque eu tenho a oportunidade de responder porque todos achavam que eu fui indelicado, que eu desrespeitei. De forma nenhuma, eu iria desrespeitar uma parte da história do Corinthians. Faz parte, só que eu entendo que não foi tudo isso. Ela foi mais importante pelo lado político do clube, entendo eu, mas financeiramente, como fui perguntando, não trouxe contribuição. Eu não queria criticar, não queria ofender quem se sentiu ofendido, como Casagrande. Essa não foi a minha intenção e até peço desculpas", finalizou.

Veja Mais:

  • Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

    Pressão sobre Sylvinho aumenta no Corinthians; dois fatores jogam a favor do treinador

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians retorna ao CT Joaquim Grava nesta segunda-feira

    Clássico contra o Santos e compromissos na base marcam semana do Corinthians; veja agenda

    ver detalhes
  • Corinthians foi derrotado pelo Flamengo jogando em casa

    Corinthians é dominado pelo Flamengo e perde mais uma jogando na Neo Química Arena

    ver detalhes
  • Mosquito foi eleito o melhor em campo pela torcida do Corinthians

    Mosquito é eleito melhor do Corinthians em tarde de notas ruins; Sylvinho e volantes vão mal

    ver detalhes
  • Torcida não poupou críticas ao Corinthians neste domingo

    Torcida do Corinthians perde a paciência e não poupa críticas a Sylvinho e elenco; veja tweets

    ver detalhes
  • Sylvinho se mostrou descontente com a atuação do Corinthians

    Sylvinho analisa falhas ofensivas e defensivas do Corinthians e vê time 'apático' contra o Flamengo

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x