Love mostra cerca de três vezes mais eficiência que antigo centroavante do Timão

Love mostra cerca de três vezes mais eficiência que antigo centroavante do Timão

Por Meu Timão

Vagner Love marcou, de novo, contra o Atlético Mineiro neste domingo

Vagner Love marcou, de novo, contra o Atlético Mineiro neste domingo

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Quando Paolo Guerrero deixou o Corinthians e Vagner Love assumiu a posição de "homem gol" da equipe, muitos desacreditaram que daria certo. Até o rebaixamento do Timão foi cogitado nessa época.

Meses depois, porém, com o título praticamente garantido, o atacante se mostrou muito mais eficiente que o peruano. Hoje, após 33 rodadas de competição, Love possui 12 gols marcados, contra apenas três de Guerrero.

O mais interessante é quantos chutes cada um precisa dar para o gol antes de marcar. Segundo número do portal Footstas, Love chuta 3,8 vezes no gol antes de colocar a bola no fundo das redes. Já Guerrero, precisa de 14,3 tentativas - são quase três vezes mais.

A diferença também é grande nos minutos necessários entre um gol e outro. O peruano precisa de 433.7 minutos em campo para marcar um gol - ele já atuou em 15 jogos do Flamengo no Brasileiro. Já Love, que esteve em campo em 27 oportunidades, marca a cada 171 minutos.

Aliás, segundo o ranking do portal, Love é quem menos chuta a gol antes de ver a bola entrar. Ele supera até os números do artilheiro do Campeonato Brasileiro, o atacante do Santos, Ricardo Oliveira. Outros nomes como Pato e Lucas Pratto também ficam atrás do camisa 99 do Corinthians.

Confira quantas tentativas os atacantes precisam para marcar um gol

Vagner Love (Corinthians) - 3,8 tentativas
Erik (Goiás) - 4 tentativas
Ricardo Oliveira (Santos) - 4,4 tentativas
Dudu (Palmeiras) - 4,6 tentativas
Alexandre Pato (São Paulo) - 5,8 tentativas
Nenê (Vasco) - 7,8 tentativas
Lucas Pratoo (Atlético-MG) - 8,6 tentativas
Paolo Guerrero (Flamengo) - 14,3 tentativas

Fonte: Footstats

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes