Love é mais um a reforçar pedidos por Jadson na Seleção Brasileira

Love é mais um a reforçar pedidos por Jadson na Seleção Brasileira

Por Meu Timão

Juntos, Love e Jadson marcaram 24 gols pelo Corinthians no Brasileirão

Juntos, Love e Jadson marcaram 24 gols pelo Corinthians no Brasileirão

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Três jogadores do Corinthians irão se apresentar à Seleção Brasileira no próximo domingo para dar início à preparação aos jogos contra Argentina e Peru, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Além de Cássio, Gil, Elias e Renato Augusto, muitos torcedores do Timão têm reivindicado a convocação do meia Jadson, vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro.

Para Vagner Love, que ainda sonha com uma vaga na equipe canarinho, o técnico Dunga deve dar uma chance ao camisa 10 alvinegro. “Tenho que fazer o meu melhor dentro do Corinthians. Se eu tiver oportunidade de voltar, ficarei muito feliz. É consequência do que você faz no seu clube. Hoje temos quatro jogadores, Jadson também poderia ir. Estão rendendo muito bem, regulares, merecem estar lá. Tem de merecer”, disse Love.

Esta não é a primeira vez que o nome de Jadson é lembrado por um corinthiano. Após o anúncio dos relacionados, o volante Elias, um dos representantes do Corinthians no time verde-amarelo, defendeu a convocação do meia e de outros três companheiros de clube. “A gente espera que outros jogadores tenham a oportunidade, como o Jadson, Fagner, daqui a pouco, quem sabe, o Uendel, e na Sub-23 até o Arana”, afirmou o camisa 7.

Outra personalidade do futebol que fez críticas ao treinador do Brasil pela ausência de Jadson entre os chamados foi Neto. O ex-jogador do Timão cornetou Dunga e lamentou a escolha pelo experiente Kaká, hoje no Orlando City, dos Estados Unidos. “Pra falar a verdade ele (Jadson) é o melhor dos três meias corintianos. Sinceramente não consigo entender. Kaká trará experiência pela idade e vivência na bola? Então convoca o Rivellino!”, disparou o comentarista da Rede Bandeirantes.

Em entrevista coletiva, Love ainda respondeu se Tite teria sucesso no comando da Seleção. “Temos de respeitar quem está lá. Mas se o Dunga sair, é o treinador que tem total condição de fazer a Seleção jogar o que jogava lá atrás. Pela maneira como conduz 30 e poucos jogadores. Até quem está fora não abaixa a cabeça”, finalizou.

Veja Mais:

  • Titular contra o Vitória, Gabriel se posicionou sobre a derrota em rede social

    'Mais forte do que nunca': jogadores do Corinthians comentam derrota nas redes sociais

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Carille ressaltou aprendizados com revés do Corinthians para o Vitória

    Carille tira lições de derrota e nega relação entre perdas e período sem jogos

    ver detalhes
  • Jô teve atuação discreta na derrota para Vitória

    Cássio é eleito destaque de derrota do Corinthians; quarteto ofensivo destoa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes