Vivendo momento duro fora do campo, estrela de Lucca brilha de novo na Arena

Vivendo momento duro fora do campo, estrela de Lucca brilha de novo na Arena

Por Meu Timão

Lucca marcou o gol salvador do Corinthians na Arena

Lucca marcou o gol salvador do Corinthians na Arena

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Entrando no final do jogo, Lucca não decepcionou o treinador nem a torcida, e foi o autor do gol salvador do Corinthians contra o Coritiba. A equipe precisou de um gol nos minutos finais para desempatar a partida e conseguir ficar muito próxima do título.

O jogador, umas das contratações mais recentes do Corinthians, veio por empréstimo após as lesões de Rildo e Luciano, mas ainda pertence ao Criciúma. Chegado no dia 15 de setembro, Lucca marcou hoje o seu segundo gol, mas rejeitou o título de "talismã".

Para ele, a conquista é fruto de outra coisa, que não a sorte: "Trabalho e dedicação. Sem eu estar trabalhando e me esforçando isso não aconteceria", declarou após a partida. O recém chegado ainda falou de sua chegada ao Corinthians.

"Durante a semana fizeram uma pergunta que eu achei interessante de falar. Antes de eu entrar em campo no Corinthians, antes mesmo de treinar, o pessoal do staff me chamou para falar o que eu tinha que fazer tento do campo." falou Lucca. Para ele isso foi decisivo para se adaptar e marcar o gol, de jogada ensaiada: "A jogada que a gente tem ensaiada aconteceu de novo. Eu não sei nem dizer como foi, cheguei com tudo, foi tudo muito rápido".

"Num jogo como esse, é muito nervosismo. A torcida queria que a gente vencesse logo, mas a gente sabia que tinha um adversário do outro lado. A gente tentou manter a concentração e cometemos muitos erros que não acontecem. Vamos esperar pra amanhã para gente comemorar." afirmou.

O jogador falou também do momento difícil em casa. A esposa, grávida, vive uma gestação de risco e conta com o apoio de Lucca fora dos gramados. Por isso, é ao lado dela que o jogador vai estar amanhã, durante a partida do Atlético-MG: "Vou assistir em casa com a família, tranquilo, na minha. Se for campeão dou uma volta olímpica no sofá", brincou.

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes