Com título quase garantido, briga do Timão agora será por maior média de público

Com título quase garantido, briga do Timão agora será por maior média de público

Por Meu Timão

Corinthians busca terminar o ano com maior média de público

Corinthians busca terminar o ano com maior média de público

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Com quase 100% de chances de garantir o título do Campeonato Brasileiro em 2015, agora, o Corinthians briga também pela maior média de público da competição nacional. Com uma média de 32.969 pagantes por partida, o Timão só precisa ultrapassar com Flamengo, que apresenta 33.020, para também tornar-se campeão neste quesito.

No último jogo que a Arena recebeu, neste sábado, o recorde de público foi batido. 43.688 torcedores lotaram a casa alvinegra durante a vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba.

O público dos últimos cinco jogos da Arena Corinthians, inclusive, ultrapassou os 40.000 pagantes. Seguindo essa tendência, o Timão pode superar com facilidade a diferença de 51 torcedores para a média de público do Flamengo.

Para o término do Brasileirão, restam somente quatro rodadas, das quais o Corinthians será mandante em apenas duas - contra o São Paulo e o Avaí. Caso o público dos dois últimos jogos em casa também alcance os 43.000 pagantes, a média do Timão subiria para 34.000. Enquanto isso, o Flamengo, sonhando com a Libertadores, receberá a Ponte Preta e o Palmeiras, sem a expectativa de grande público.

Veja Mais:

  • Setor Norte da Arena Corinthians segue interditado para o início do Brasileirão

    Setor Norte da Arena segue interditado para Brasileiro; Corinthians pode ter dois clássicos 'vazios'

    ver detalhes
  • Pedrinho surge como opção para Jadson, que foi preservado do treino nesta quarta-feira

    Pedrinho é testado por Carille no primeiro treino com titulares antes de decisão

    ver detalhes
  • Guilherme foi empréstimo ao Atlético-PR

    Atlético-PR anuncia contratação do corinthiano Guilherme até 2018

    ver detalhes
  • Carille pode sofrer desfalques por suspensão na final do estadual

    Com quase um time inteiro pendurado, Carille descarta poupar jogadores na primeira decisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes