Campeão no beisebol, Paulo Orlando realiza sonho de criança e manda recado para a Fiel

Campeão no beisebol, Paulo Orlando realiza sonho de criança e manda recado para a Fiel

Paulo Orlando recebeu camisa do Corinthians das mãos de Malcom

Paulo Orlando recebeu camisa do Corinthians das mãos de Malcom

Foto: Meu Timão

Um torcedor muito especial visitou o treino do Corinthians nesta sexta-feira. O campeão da MLB, Paulo Orlando, corinthiano fanático, acompanhou o jogo-treino e falou sobre o seu amor pelo Timão.

"Emoção de menino pequeno, que queria ser jogador de futebol, queria ser profissional do esporte. Mas, o beisebol entrou na minha vida, agora estou representando o Brasil, mais um corinthiano pelo mundo", declarou o jogador, em entrevista ao MEU TIMÃO, depois de receber uma camisa do clube das mãos de Malcom.

Em novembro, Paulo conquistou um feito inédito: ele é o primeiro brasileiro da história campeão da MLB. O título foi conquistado pelo Kansas City Royals. Agora, no Brasil, o jogador torce por outra conquista.

"Tenho certeza que vai ser campeão. Quando voltei para cá, eu vi todo mundo comemorando, alguns amigos me mandavam mensagens, eu tentava acompanhar, mas é muito complicado por causa dos horários. Agora é esperar o jogo contra o Vasco e comemorar", completou Paulo Orlando.

Confira o recado de Paulo Orlando aos torcedores do Timão

Veja Mais:

  • Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

    Em nota oficial, Corinthians anuncia saída de Adauto e Piovesan

    ver detalhes
  • Andrade permanece à frente do Corinthians apenas até fevereiro de 2018

    Corinthians estima superávit em 2018; clube pretende arrecadar R$ 50 milhões em vendas

    ver detalhes
  • Júnior Dutra assinou com o Corinthians até dezembro de 2019; único reforço confirmado

    Exato um mês após o título brasileiro, Corinthians tem só um reforço; três são os motivos

    ver detalhes
  • Corinthianos foram presos por horas nas arquibancadas do Maracanã em 2016

    Impunidade após baderna flamenguista expõe exageros da polícia carioca contra Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes