Depois de levar sacode no Morumbi, treinador atleticano insiste em 'campeonato manchado'

Depois de levar sacode no Morumbi, treinador atleticano insiste em 'campeonato manchado'

Por Meu Timão

Levir Culpi falou após a derrota do Atlético-MG para o São Paulo

Levir Culpi falou após a derrota do Atlético-MG para o São Paulo

Foto: Divulgação - Atlético-MG

Com o título brasileiro de 2015 definido, o técnico do Atlético-MG, Levir Culpi, voltou a fazer declarações sobre o "campeonato manchado" - a primeira afirmação polêmica aconteceu em meados de setembro, e tem sido reafirmada desde então.

Mesmo após ver seu time perder para o São Paulo por 4 a 2, no Morumbi, ao falar da arbitragem do Campeonato Brasileiro, Levir, retratando rodadas repletas de erros, disse não retirar as afirmações feitas durante o torneio.

"Por que eu vou repensar? É claro que sim. Aquilo já aconteceu e ninguém vai apagar. Pelo contrário, na rodada passada, nós tivemos sérios problemas de arbitragem também. Não foi com o Atlético-MG, mas vocês viram a rodada toda, o que se analisou nos programas, tudo com referência à problema de arbitragem", afirmou o treinador do clube mineiro em coletiva de imprensa.

"Os pontos que nós perdemos com a arbitragem, eles não voltam mais, eles foram perdidos. Você acha que eu vou tirar o que eu falei só porque está manchado? Há quanto tempo nós não temos um campeonato com tantas reclamações de arbitragem? Agora você acha que isso vai tirar o brilho da conquista do Corinthians? Nada a ver com a situação. Mas talvez, se não tivessem tantos erros, nós poderímos ter corrido até mais perto", completou, tentando não desmerecer o título conquistado pelo Corinthians.

Ao final da 35ª rodada da competição nacional, o empate em 1 a 1 com o Vasco garantiu ao Timão o hexacampeonato, visto que o Atlético-MG, segundo colocado, perdeu e não conquistou mais pontos, aumentando a distância para o líder a 12 - sem chances de serem revertidos nas três rodadas restantes, que apresentam nove pontos em disputa.

Veja Mais:

  • Jô marcou o gol da vitória do Corinthians

    Artilheiro Jô marca no fim, e Corinthians supera Chapecoense na Arena Condá

    ver detalhes
  • Jô assegurou vitória do Corinthians em Chapecó

    Líder absoluto, Corinthians abre dez pontos de diferença para segundo colocado

    ver detalhes
  • Léo Santos jogou no lugar de Balbuena, que está suspenso e machucado

    Prata da casa supera até Jô e é eleito craque da vitória do Corinthians sobre Chapecoense

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi titular nesta quarta, mas não agradou a Fiel

    Após vitória do Corinthians, Fiel corneta Marquinhos Gabriel e indica preferência por Clayson

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes