Jogador rival rebate repórter: 'Não fomos nós que decidimos o campeonato'

Jogador rival rebate repórter: 'Não fomos nós que decidimos o campeonato'

Por Meu Timão

Kardec jogou no Santos, no Palmeiras e no São Paulo; só não passou pelo Timão

Kardec jogou no Santos, no Palmeiras e no São Paulo; só não passou pelo Timão

Apesar do empate com o Vasco na noite desta quinta-feira, o Corinthians conquistou o Campeonato Brasileiro. Isso aconteceu, pois, o Atlético-MG, segundo colocado e único time que poderia ter impedido o título nessa rodada, perdeu para o São Paulo no Morumbi.

Por isso, alguns antis afirmaram que o Timão só foi campeão por causa do São Paulo. Dono de dois dos gols da vitória do time do Morumbi, o atacante Alan Kardec rebateu o repórter ao ser questionado sobre isso e exaltou a campanha do Corinthians no Brasileirão.

"Graças a nossa vitória, não, por méritos do Corinthians. Tem que dar os parabéns. Tem que dar méritos a isso, não a nossa vitória. Não fomos nós que decidimos o campeonato", decretou o atacante do São Paulo, em entrevista ao SporTV.

Curiosamente, essa não é a primeira vez que Kardec marca um gol que interfere na história do Corinthians. Ao contrário dessa vez, que foi de maneira positiva, em 2007, no ano do rebaixamento para a Série B, foi ele que marcou o gol da vitória do Vasco em cima do Timão no Pacaembu.

Veja Mais:

  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Jô teve atuação discreta na derrota para Vitória

    Cássio é eleito destaque de derrota do Corinthians; quarteto ofensivo destoa

    ver detalhes
  • Arena Corinthians recebeu 42.075 pagantes nesta tarde de sábado

    Fiel canta na Arena após primeira derrota do Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Balbuena está fora do confronto de quarta-feira

    Balbuena leva terceiro amarelo, e Corinthians enfrentará Chape com zaga de jovens da base

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes