Diretor de marketing nega contrato assinado e confirma duas empresas próximas do naming rights

Diretor de marketing nega contrato assinado e confirma duas empresas próximas do naming rights

Por Meu Timão

Diretoria está otimista em relação a venda dos naming rights da Arena Corinthians

Diretoria está otimista em relação a venda dos naming rights da Arena Corinthians

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Com o título do Brasileirão conquistado, a diretoria do Corinthians agora espera conseguir anunciar a assinatura do naming rights da Arena para fechar o ano com chave de ouro.

O diretor de marketing do Timão, Marcelo Passos, negou que já tenha um contrato assinado e confirmou que o clube trabalha com duas empresas em total sigilo.

"Falta muito pouco. Por contrato, perco o negócio se sequer citar o setor das duas empresas que estou negociando. Uma está mais perto. Não estamos nem discutindo mais a questão de preços. São pequenos detalhes" disse Marcelo, em entrevista ao jornal Valor Econômico.

Os números do contrato giram em torno de R$ 300 a R$ 400 milhões por 20 anos de validade. O valor seria todo destinado ao pagamento da dívida com o BNDES, que hoje custa R$ 5 milhões ao mês para o Corinthians.

"Os 'naming rights' vão pagar o financiamento do BNDES e liberar a bilheteria para gerar receita ao clube", explicou Passos. Existe a expectativa de que o nome do estádio seja revelado na festa do título no dia 6 de dezembro, após a partida contra o Avaí, na Arena Corinthians.

Marcelo Passos e a nova diretoria de marketing assumiram o Corinthians no início deste ano ao lado do presidente Roberto de Andrade. Desde então, eles conseguiram reformular o Fiel Torcedor, melhorar os preços de ingressos na Arena e criar novas maneiras de trazer receita para o clube.

"Ainda vamos fechar 2015 parecido com 2014", declarou o diretor, em relação a receita do ano passado de R$ 63,7 milhões em patrocínios e publicidade. Porém, a expectativa da diretoria é crescer 43% e chegar aos R$ 91 milhões em 2016.

Veja Mais:

  • Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    ver detalhes
  • Clayson comemora gol sobre o São Paulo, o primeiro dele pelo Timão

    Na raça! Clayson decide, Corinthians empata no Morumbi e mantém invencibilidade contra rival

    ver detalhes
  • Clayson assegurou empate fora de casa ao Timão

    Cássio brilha, mas reserva é eleito o melhor do Corinthians no clássico; Jadson destoa

    ver detalhes
  • São Paulo e Corinthians empataram por 1 a 1 no Morumbi

    Comentarista de rádio chama jogadores do Corinthians de delinquentes; clube responde

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes