Corinthians Sub-20 estreia na Arena com título do Paulistão Sub-20

Corinthians Sub-20 estreia na Arena com título do Paulistão Sub-20

Por Meu Timão

Marciel marcou o segundo gol do Corinthians sub-20 na Arena

Marciel marcou o segundo gol do Corinthians sub-20 na Arena

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Pelo futebol sub-20, o Timão recebeu o Santos na Arena Corinthians na manhã deste sábado. A equipe comandada por Osmar Loss disputava o jogo da volta do Paulistão, com a vantagem de quatro gols.

Em campo, o time - formado por jogadores que já atuam entre os profissionais e algumas promessas da base - era composto por: Caíque França, Maycon, Pedro Henrique, Rafael Castro, Léo Príncipe, Paulo César, Gustavo Viera, Marciel, Matheus, Gabriel e Gustavo Tocantins.

Os jovens atuaram pela primeira vez na Arena, e contaram com o apoio de quase 12 mil torcedores. Além da Fiel, um torcedor em especial estava nas arquibancadas: o técnico Tite acompanhava a partida ao lado de outros membros da comissão técnica e do presidente Roberto de Andrade.

Apesar disso, o primeiro tempo da partida foi bastante sem emoção. O Timão preferiu segurar o resultado e apostou na retranca. Por isso, a etapa terminou com um empate sem gols e o único destaque ficou para a caneta aplicada por Léo Príncipe, que arrancou aplausos da Fiel.

Caneta aplicada por Léo Príncipe

No segundo tempo, as duas equipes voltaram com mais movimentação. Aos 10 minutos, o Santos conseguiu o gol, e manteve esperanças do título. O Corinthians rapidamente empatou com gol de Gustavo Tocantins, e se tranquilizou. Após o gol, Tocantins deixou o campo para a entrada de Léo Jabá.

Gol de Gustavo Tocantins

O Santos, porém, não parecia disposto a entregar o título com facilidade e desempatou com Natan, aos 30 minutos. Osmar preferiu se garantir na defesa e colocou o zagueiro Rodrigo Sam no lugar de Matheus Pereira, que não fez boa partida. A mudança, porém, não evitou o terceiro gol santista aos 35 minutos.

A Fiel se preocupou, mas Marciel chamou a responsabilidade. Aos 43 minutos, o volante corinthiano marcou segundo gol do Timão e praticamente sacramentou o título. Mesmo com a derrota - a primeira após uma sequência invicta de 17 partidas - o Timão levantou a taça.

Gol de Marciel

O Corinthians não apresentou um futebol tão bom quanto no jogo da ida. Apesar disso, mostrou, em alguns momentos, parte do estilo de jogo da equipe titular. Observadores mais atentos puderam ver as linhas de quatro e a compactação do time, que levaram o Timão à mais um título.

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Desde agosto no Leganés, Luciano atuou em 27 jogos e marcou quatro gols, um deles sobre o Real Madrd

    Com sondagens de México e Turquia, corinthiano Luciano tem semana decisiva na Espanha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes