Tite se diz frustrado por ser único treinador 'sobrevivente' da Série A em 2015

Tite se diz frustrado por ser único treinador 'sobrevivente' da Série A em 2015

Por Meu Timão

Campeão brasileiro, Tite é único técnico da Série A que não perdeu o emprego em 2015

Campeão brasileiro, Tite é único técnico da Série A que não perdeu o emprego em 2015

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Campeão brasileiro com três rodadas de antecedência, Tite é o único treinador da Série A que não perdeu o emprego em 2015. Das 20 equipes que disputaram a competição nacional, 19 tiveram seus técnicos substituídos. Apesar do reconhecimento, o comandante corinthiano lamentou o “posto” e criticou a cultura do futebol brasileiro.

“Eu não sei qual é o adjetivo que eu uso para o sentimento enquanto você estava me fazendo a pergunta para eu tentar transmitir, se é chateado ou frustrado, magoado, sei lá, outro adjetivo que possa qualificar. E aí entra o que falamos, só o que ganha faz um bom trabalho? E todos os outros trabalhos envolvidos? E o que as equipes todas direcionaram?”, disse Tite à Rádio Bradesco Esportes.

“Eu fico lastimando que a nossa realidade do futebol brasileiro, onde a gente fala tanto em evolução, ela sempre age com uma transferência de responsabilidade, assim como uma valorização excessiva do técnico, quando perde ou quando ganha”, acrescentou. Na última semana, Levir Culpi, então treinador com mais tempo no comando de um time no Brasil, anunciou sua saída do vice Atlético-MG.

Goleado por 6 a 1 pelo Timão, o São Paulo foi um dos que mais fizeram trocas. Somente nesta temporada, a equipe do Morumbi teve três profissionais à frente do grupo de jogadores: Milton Cruz, Juan Carlos Osório, Doriva. “Se a gente fala tanto em equipe de trabalho, essa equipe é composta por dirigentes que têm a responsabilidade de escolher, e depois de redirecionar o trabalho”, concluiu.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes