Com futuro indefinido, Corinthians é punido por confusão com Orlândia no futsal

Com futuro indefinido, Corinthians é punido por confusão com Orlândia no futsal

Por Meu Timão

Corinthians foi punido por confusão em jogo contra o Orlândia

Corinthians foi punido por confusão em jogo contra o Orlândia

Foto: Reprodução/Facebook

O futuro da equipe de futsal do Corinthians ainda está indefinido. Depois de perder seus principais jogadores, o clube ainda recebeu a notícia de que foi punido pela confusão no jogo contra o Orlândia, em novembro.

Ainda no primeiro tempo do jogo, que causou a eliminação do Corinthians da Liga Nacional, os atletas Gadeia, do Orlândia, e Neto, do Corinthians, se envolveram em uma confusão. Os dois se desentenderam dentro de quadra e alguns torcedores se envolveram na briga, transformando em uma confusão entre os torcedores dos dois times.

Por conta disso, a duas equipes foram julgadas pela 2ª Comissão Disciplinar e punidos. O Orlândia ficou com a pena pior: R$ 15 mil de multa e dois jogos de perda de mando de quadra. O Corinthians terá que pagar R$ 10 mil e um jogo sem mando de quadra.

Além disso, os dois jogadores - Gadeia e Neto - foram punidos com apenas uma partida de suspensão automática.

Os dois clubes foram enquadrados no Artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que pune os clubes que deixarem de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto, invasão do campo ou local da disputa do evento, e lançamento de objetos no mesmo.

A equipe de futsal vive um momento de instabilidade. Ainda não se sabe se o Corinthians seguirá com o time na próxima temporada. Nesse fim de ano, Neto, Simi, Guitta e Elisandro já deixaram o time. O auxiliar técnico Lucas Chioro também se desligou do Corinthians.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes