Corinthians corre para fechar elenco de time feminino ainda em 2015

Corinthians corre para fechar elenco de time feminino ainda em 2015

Por Meu Timão

Athur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe feminina do Corinthians

Athur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe feminina do Corinthians

Foto: Divulgação

O Corinthians corre contra o tempo para fechar o elenco da equipe de futebol feminino. A ideia é fechar tudo até o final deste ano para disputar os grandes campeonatos da modalidade em 2016. Influenciado pelo Profut (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro), o clube almeja trazer grandes peças para brigar pelos títulos do Campeonato Brasileiro, que tem início em janeiro, além da competição Paulista e a Copa do Brasil. O time será montado em parceria com o Osasco Audax.

Campeão brasileiro pelo Adeco em 2013, Arthur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe, que ainda não está montada. Por sua vez, Aline Pellegrino, ex-zagueira da Seleção, tem a responsabilidade de supervisionar as contratações para a estruturação do elenco até o início do próximo ano. O que se sabe, até então, é que a nova equipe feminina vai usufruir da estrutura dos dois clubes (Corinthians e Osasco Audax) durante sua temporada de trabalho.

"Vamos usar as dependências do Audax para treinos e jogos como mandantes, mas a ideia é jogar algumas partidas na Arena Corinthians, como preliminar do time masculino. Essa possibilidade ainda está sendo estudada com a diretoria e o departamento de futebol. A intenção é disputarmos os principais campeonatos do Brasil, por isso já estamos inscritos no Brasileiro", disse Cris Gambaré, conselheira e diretora do departamento feminino, ao GloboEsporte.com

Visando abater as dívidas fiscais, o Corinthians aderiu ao Programa Profut, que prolonga o prazo de financiamento em até 240 meses para os débitos com o governo e 180 meses para pagamento do FGTS, e como contrapartida deve investir, cada vez mais, nas categorias de base e no futebol feminino. O que tornou decisivo o resgate da equipe do Parque São Jorge.

A iniciativa e criação do elenco também conta com o trabalho do departamento de marketing do Corinthians, que garante apoio a modalidade, além de ser responsável pela captação de verbas para o crescimento e a qualidade do esporte.

"O papel do marketing será o de captação de recursos para a manutenção e evolução do time, e a ativação do esporte e patrocinadores que venham apoiar o time", afirmou Gustavo Herbetta, gerente de marketing do Corinthians

O Campeonato Brasileiro feminino de futebol organizado pela CBF começou a ser disputado apenas em 2013. A próxima edição, em 2016, tem início no dia 20 de janeiro e conta com a participação do Corinthians, além de outras 19 equipes do país.

Veja Mais:

  • Vagner Mancini teria ofendido jornalista da Rádio Bandeirantes

    Vaza suposto áudio de Mancini festejando vitória com ofensa a jornalista: 'Babaca corinthiano'

    ver detalhes
  • Corinthians pode chegar a dez pontos de diferença nesta quarta-feira

    Grêmio empata no Sul e Corinthians só perde um ponto de diferença na tabela; confira

    ver detalhes
  • Titular contra o Vitória, Gabriel se posicionou sobre a derrota em rede social

    'Mais forte do que nunca': jogadores do Corinthians comentam derrota nas redes sociais

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes