Corinthians corre para fechar elenco de time feminino ainda em 2015

Corinthians corre para fechar elenco de time feminino ainda em 2015

Por Meu Timão

Athur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe feminina do Corinthians

Athur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe feminina do Corinthians

Foto: Divulgação

O Corinthians corre contra o tempo para fechar o elenco da equipe de futebol feminino. A ideia é fechar tudo até o final deste ano para disputar os grandes campeonatos da modalidade em 2016. Influenciado pelo Profut (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro), o clube almeja trazer grandes peças para brigar pelos títulos do Campeonato Brasileiro, que tem início em janeiro, além da competição Paulista e a Copa do Brasil. O time será montado em parceria com o Osasco Audax.

Campeão brasileiro pelo Adeco em 2013, Arthur Elias foi o treinador escolhido para comandar a equipe, que ainda não está montada. Por sua vez, Aline Pellegrino, ex-zagueira da Seleção, tem a responsabilidade de supervisionar as contratações para a estruturação do elenco até o início do próximo ano. O que se sabe, até então, é que a nova equipe feminina vai usufruir da estrutura dos dois clubes (Corinthians e Osasco Audax) durante sua temporada de trabalho.

"Vamos usar as dependências do Audax para treinos e jogos como mandantes, mas a ideia é jogar algumas partidas na Arena Corinthians, como preliminar do time masculino. Essa possibilidade ainda está sendo estudada com a diretoria e o departamento de futebol. A intenção é disputarmos os principais campeonatos do Brasil, por isso já estamos inscritos no Brasileiro", disse Cris Gambaré, conselheira e diretora do departamento feminino, ao GloboEsporte.com

Visando abater as dívidas fiscais, o Corinthians aderiu ao Programa Profut, que prolonga o prazo de financiamento em até 240 meses para os débitos com o governo e 180 meses para pagamento do FGTS, e como contrapartida deve investir, cada vez mais, nas categorias de base e no futebol feminino. O que tornou decisivo o resgate da equipe do Parque São Jorge.

A iniciativa e criação do elenco também conta com o trabalho do departamento de marketing do Corinthians, que garante apoio a modalidade, além de ser responsável pela captação de verbas para o crescimento e a qualidade do esporte.

"O papel do marketing será o de captação de recursos para a manutenção e evolução do time, e a ativação do esporte e patrocinadores que venham apoiar o time", afirmou Gustavo Herbetta, gerente de marketing do Corinthians

O Campeonato Brasileiro feminino de futebol organizado pela CBF começou a ser disputado apenas em 2013. A próxima edição, em 2016, tem início no dia 20 de janeiro e conta com a participação do Corinthians, além de outras 19 equipes do país.

Veja Mais:

  • Felipe, Malcom e Gil foram vendidos pelo Corinthians em 2016

    Venda de atletas e luvas da TV fazem Corinthians ter maior arrecadação da história em 2016

    ver detalhes
  • Danilo treinou com bola no campo; meia é preparado para o Brasileirão

    Danilo trabalha com bola e fica perto da volta; veja o que rolou no dia do Corinthians

    ver detalhes
  • Pablo, em ação contra o Botafogo-SP na Arena

    Pablo pede lisura em julgamento de Fagner: 'Outros merecem também'

    ver detalhes
  • Multicampeão pelo Corinthians, Elias hoje defende o Atlético-MG

    Elias revela real motivo de saída do Corinthians e diz torcer pelo clube na decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes