Por conta de premiação e normas, Andrés ameaça tirar o Corinthians da Libertadores

52 mil visualizações 277 comentários

Por Meu Timão

Andrés não concorda com as premiações da Libertadores e ameaçou tirar o time da competição

Andrés não concorda com as premiações da Libertadores e ameaçou tirar o time da competição

Agência Corinthians

Ao lado do presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, o superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez, deve viajar ao Paraguai, na próxima terça-feira, para discutir as condições de disputa da Copa Libertadores 2016. Para Andrés, as normas e premiações do campeonatos não são favoráveis, o que poderia tirar a equipe do torneio.

"Vamos para o Paraguai um dia antes do sorteio para conversar. Se não aumentar as cotas, a gente não vai disputar a Libertadores. A gente entende que essas cotas são ridículas. As do Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro são maiores do que na Libertadores", ameaçou Andrés, em evento de doação de sangue na Arena Corinthians

Segundo o superintendente, o Timão precisa de um aumento nas cotas, além da autorização para expor as marcas de seus patrocinadores nas partidas que faz dentro da Arena em Itaquera. No torneio continental, somente alguns parceiros das Conmebol tem os direitos de imagens nas placas que cercam o gramado.

"Não tem problema nenhum para nós. O Corinthians fica tranquilo se não disputar a Libertadores. Eles não estão preocupados com times brasileiros. Tem que aumentar a cota, poder colocar nossos patrocinadores. A Conmebol não deixa exibir o nome dos patrocinados, não tem cabimento isso", concluiu.

Hoje em dia, os clubes que participam da Copa recebem cerca de US$120 (aproximadamente R$ 480 mil) por partida como mandante, na primeira fase de grupos. O Corinthians não concorda com a oferta e busca um acordo que quase dobra a oferta. Para a equipe alvinegra, o pagamento deveria chegar a casa de US$ 300 mil e US$ 350 mil (entre R$ 1,2 milhão e R$ 1,4 milhão).

Durante reuniões da viagem ao Paraguai, os mandatários do Timão devem chegar a um comum acordo. Caso contrário, há chances do Corinthians abandonar a disputa pelo bicampeonato.

Veja Mais:

  • Jô pode voltar a desfalcar o Corinthians no Campeonato Brasileiro

    STJD agenda novo julgamento de Jô, que pode desfalcar o Corinthians na próxima rodada do Brasileirão

    ver detalhes
  • Goleiro Cássio em treino desta sexta-feira no CT Joaquim Grava

    Corinthians se reapresenta e inicia treinos de olho no Atlético-GO; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Neo Química Arena pode voltar a receber público apenas em 2021, mas os gestores do estádio preparam novidades no estádio corinthiano

    Até heliponto! Mesmo fechada ao público, Neo Química Arena prepara novidades

    ver detalhes
  • Meia foi contratado pelo Barcelona e teve passagem também pela Juventus

    Justiça ordena bloqueio de contas do Corinthians e penhora de dois carros por causa de dívida

    ver detalhes
  • Essa situação escancara um dos maiores problemas do Corinthians em 2020

    [Vitor Chicarolli] Essa situação escancara um dos maiores problemas do Corinthians em 2020

    ver detalhes
  • Torcida nos estádios só em 2021

    [Marco Bello] Torcida nos estádios só em 2021

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: