Pressão do Corinthians faz Conmebol aumentar premiação da Libertadores

77 mil visualizações 200 comentários

Por Meu Timão

Em 2012, o Corinthians derrotou o Boca Juniors (ARG) e se sagrou campeão invicto da Libertadores

Em 2012, o Corinthians derrotou o Boca Juniors (ARG) e se sagrou campeão invicto da Libertadores

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), enfim, aumentará a premiação aos clubes que disputarem a próxima edição da Copa Libertadores da América. Em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira em Assunção, no Paraguai, a entidade anunciou um reajuste de 40% nas cotas para o torneio em 2016.

“Soubemos das reclamações do Corinthians. Não coincidem com o que pagamos no ano passado. O Comitê Executivo aprovou para os prêmios 40% de aumento em relação a 2015. Serão US$ 450 mil por partida”, explicou Hugo Figueredo, diretor de competições da Conmebol.

No último sábado, o superintendente de futebol do Timão, Andrés Sanchez, criticou a desvalorização dos prêmios e afirmou que a equipe alvinegra poderia se retirar da Libertadores caso os montantes não fossem revistos. “Se não aumentar as cotas, a gente não vai disputar a Libertadores. A gente entende que essas cotas são ridículas”, disparou.

Neste ano, a premiação máxima foi de US$ 5,3 milhões. Tal valor, pago nos últimos três anos pela entidade, tem causado insatisfação aos participantes. A cada partida, os times mandantes embolsaram apenas US$ 300 mil.

“Estamos tentando aumentar os contratos para aumentar os prêmios para os outros anos”, acrescentou Wilmar Valdez, presidente da organização. A partir da próxima temporada, o vencedor do campeonato continental poderá faturar até US$ 7,7 milhões - aproximadamente R$ 31 milhões.

CONFIRA OS NOVOS VALORES DOS PRÊMIOS DA LIBERTADORES

Campeão: US$ 3 milhões (R$ 11,9 milhões)
Vice-campeão: US$ 1,5 milhão (R$ 5,9 milhões)
Semifinal: US$ 1,25 milhão por partida (R$ 4,9 milhões)
Quartas de final: US$ 950 mil por partida (R$ 3,8 milhões)
Oitavas de final: US$ 750 mil por partida (R$ 3 milhões)
Fase de grupos (três jogos como mandante): US$ 1,35 milhão (R$ 5,4 milhões)
Fase preliminar: US$ 400 mil (R$ 1,6 milhão)

Veja Mais:

  • Vagner Mancini comanda último treino do Corinthians antes de estreia na Copa do Brasil

    Corinthians finaliza preparação para duelo com América-MG na Copa do Brasil; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Tcheco chegou em 2010 para ser o líder da equipe de Mano Menezes no ano do Centenário (2010), mas não conseguiu ser nem titular. Foram apenas 26 jogos e nenhum gol

    Corinthians é condenado na Justiça do Trabalho em ação movida por Tcheco; saiba detalhes

    ver detalhes
  • Jemerson ainda não entrou em campo pelo Monaco-FRA nesta temporada 2020/21

    Corinthians tenta a contratação de Jemerson do Monaco; busca é por um zagueiro com status de titular

    ver detalhes
  • Zagueiro chegando no Corinthians?! | Timão é condenado na justiça #RMT 27/10/20

    VÍDEO: Zagueiro chegando no Corinthians?! | Timão é condenado na justiça #RMT 27/10/20

    ver detalhes
  • Mantuan está com moral após boa partida contra o Vasco

    Mancini diz que quer contar com Mantuan no sábado; Seleção joga horas antes do Corinthians

    ver detalhes
  • Felipe Augusto brilha em vitória do Corinthians pelo Brasileirão Sub-17

    Atacante brilha, e Corinthians vence Botafogo de virada pelo Brasileirão Sub-17

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: