Globo ganha concorrente de peso por direitos de transmissão do Brasileirão 2018 e 2019

Globo ganha concorrente de peso por direitos de transmissão do Brasileirão 2018 e 2019

Por Meu Timão

Clubes brasileiros devem ser beneficiados com 'briga' pelos direitos de TV do Brasileirão

Clubes brasileiros devem ser beneficiados com 'briga' pelos direitos de TV do Brasileirão

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O Campeonato Brasileiro pode começar a ser transmitido por outra emissora num futuro próximo. Após adquirir a Liga dos Campeões e a Copa do Nordeste, o canal Esporte Interativo consultou alguns clubes da Série A sobre a possibilidade de exibir o nacional na TV por assinatura. A informação é do Blog do Ohata, do UOL Esporte.

Segundo a publicação, a emissora ofereceu R$ 40 milhões em luvas pelas cotas do Brasileirão de 2018 e 2019. As cifras teriam “balançado” os cartolas, que consultaram a Globosat e reivindicaram a cobertura do montante. Em contrapartida, a programadora se comprometeu a liberar a quantia, mas informou que reduziria em 25% o pagamento pelos direitos de TV fechada.

Em 2015, Corinthians e Flamengo receberam cerca de R$ 110 milhões da Rede Globo, detentora dos direitos de transmissão do campeonato. Para efeito de comparação, o clube que mais se aproxima da dupla é o São Paulo – o time do Morumbi faturou R$ 80 milhões. Já o Santos recebeu pouco mais da metade que o arrecadado pela cúpula do Parque São Jorge.

Dona dos canais Esporte Interativo, a Turner América deve investir alto na disputa com a emissora carioca. Recentemente, a empresa norte-americana entrou na briga pelas cotas do Paulistão. Contudo, a Globo, que já havia ganhado a concorrência com a Record no passado, renovou o contrato de TV aberta, TV fechada e pay-per-view por mais quatro anos.

A concorrência deve beneficiar os clubes brasileiros, já que a emissora carioca pretende antecipar a renovação contratual dos direitos de transmissão. Atualmente, um terço das receitas do Corinthians é oriundo do acordo com a Globo. Os contratos televisivos da competição nacional são válidos até a temporada de 2018.

O Esporte Interativo chegou a ser boicotado pelas operadoras de TV por assinatura. A inclusão da marca foi permitida somente após reclamações exaustivas dos assinantes. A partir de janeiro de 2016, NET e Claro TV exibirão dois canais - EI Maxx e o EI Maxx 2 - da franquia.

CONFIRA OS VALORES DAS COTAS DE TV DO FUTEBOL BRASILEIRO

De 2012 a 2015

Grupo 1 – Flamengo e Corinthians: R$ 110 milhões
Grupo 2 – São Paulo: R$ 80 milhões
Grupo 3 – Vasco e Palmeiras: R$ 70 milhões
Grupo 4 – Santos: R$ 60 milhões
Grupo 5 – Cruzeiro, Atlético Mineiro, Grêmio, Internacional, Fluminense e Botafogo: R$ 45 milhões
Grupo 6 – Coritiba, Goiás, Sport, Vitória, Bahia e Atlético Paranaense: R$ 27 milhões

De 2016 a 2018

Grupo 1 – Flamengo e Corinthians: R$ 170 milhões
Grupo 2 – São Paulo: R$ 110 milhões
Grupo 3 – Vasco e Palmeiras: R$ 100 milhões
Grupo 4 – Santos: R$ 80 milhões
Grupo 5 – Cruzeiro Atlético Mineiro, Grêmio, Internacional, Fluminense e Botafogo: R$ 60 milhões
Grupo 6 – Coritiba, Goiás, Sport, Vitória, Bahia e Atlético Paranaense: R$ 35 milhões

Fonte: Trivela.uol.com.br

Veja Mais:

  • Carille comandou o treino do Corinthians deste sábado, no CT Joaquim Grava

    Pablo treina, e Carille define escalação do Corinthians contra o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson foi relacionado pela primeira vez no Corinthians

    Com estreia de Clayson e Pablo, Corinthians relaciona 22 contra Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson deve estrear com a camisa do Corinthians neste domingo

    Relacionado pela primeira vez, Clayson faz declaração à torcida do Corinthians em rede social

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes