Torcedores questionam repasse da Omni ao Corinthians no programa Fiel Torcedor

22 mil visualizações 188 comentários

Por Meu Timão

Corinthianos têm cobrado explicações da diretoria sobre o acordo do clube com a Omni

Corinthianos têm cobrado explicações da diretoria sobre o acordo do clube com a Omni

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Mesmo sendo o clube com o maior número de sócio-torcedores do futebol brasileiro, o Corinthians ainda arrecada um valor irrisório com seu programa de fidelização. A Omni, empresa responsável por gerir a plataforma do Fiel Torcedor, tem direito à metade das receitas.

A situação tem causado revolta nos torcedores corinthianos. De acordo com o contrato comercial vigente, 50% do montante pago pelos associados do Timão é repassado à Omni, que arca com todos os custos do programa. Ainda assim, a porcentagem é muito acima da taxa de mercado praticada hoje, em torno de 5% a 30%.

Por conta do “rateio” com a empresa, o Corinthians embolsou apenas R$ 5 milhões em 2014 com o Fiel Torcedor. Nesta temporada, a arrecadação foi de R$ 6,2 milhões, de acordo com o orçamento do clube paulista. 2016, porém, promete ser diferente – cerca de R$ 23 milhões devem entrar nos cofres do Timão, segundo o planejamento financeiro.

“Absurdo. Só em 2015 serão R$ 6 milhões para a Omni. Quanto eles investiram para implantar o Fiel Torcedor. E aí, Corinthians? (sic)”, disparou um torcedor no Twitter. “Certamente não vou renovar o meu Fiel Torcedor, não aceito que metade do que eu pago não vá para o Corinthians”, criticou outro na rede social.

Curiosamente, o financeiro do Timão chega a gastar mais de R$ 150 mil por partida na Arena Corinthians com a emissão de ingressos. Por exemplo, na goleada por 6 a 1 sobre o São Paulo, no dia 22 de novembro, o custo com a despesa ultrapassou a marca dos R$ 170 mil, conforme o boletim financeiro do jogo.

Na presidência desde fevereiro, Roberto de Andrade já iniciou conversas para pôr fim ao negócio. O cartola tem ouvido pedidos de explicações de conselheiros sobre o contrato com a Omni. Em resposta, o dirigente informou que tentaria promover mudanças para que uma parte maior da arrecadação com o Fiel Torcedor ficasse no clube.

CONFIRA ALGUNS TWEETS DE TORCEDORES SOBRE O CASO

Veja Mais:

  • Clássico entre Corinthians e Santos teve invasão da torcida ao gramado

    Corinthians é denunciado no STJD por invasão de torcedor ao campo no clássico contra o Santos

    ver detalhes
  • Cássio chegou ao Corinthians em janeiro de 2012; Fagner, que subiu para a equipe profissional em 2006, retornou ao clube em 2014

    Corinthians tem conversas adiantadas para renovações com Cássio e Fagner; veja detalhes

    ver detalhes
  • Corinthians passa por reformulação no time de futsal

    Corinthians passa por reformulação no futsal e dez jogadores devem deixar a equipe para 2022

    ver detalhes
  • Fagner durante exame cardiológico na pré-temporada de 2019; exames visando 2022 já foram feitos, mas o clube optou por não divulgar imagens

    Corinthians realiza exames nos jogadores já de olho em 2022; clube optou por não divulgar

    ver detalhes
  • Corinthians tinha a chance de garantir o rebaixamento do Grêmio no último domingo

    Corinthians agora pode 'ajudar' o Grêmio a se salvar do rebaixamento para a Série B

    ver detalhes
  • Jogadores do Corinthians aplaudiram torcida no final da última partida em casa na temporada 2021

    Euforia em gol de Renato Augusto e ida à Libertadores marcam bastidores do empate do Corinthians

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x