Perto de retorno, Pato completa três anos de Timão; relembre

Perto de retorno, Pato completa três anos de Timão; relembre

Por Meu Timão

Ao ser contratado, Pato participou da campanha 'locospirose'

Ao ser contratado, Pato participou da campanha 'locospirose'

Foto: Divulgação

Há três dias de retornar a rotina do Centro de Treinamento Joaquim Grava com os jogadores do elenco do Corinthians, Alexandre Pato completa exatos três anos de clube. O dia 3 de janeiro de 2013 ficou marcado na história da equipe do Parque São Jorge, quando o atacante foi anunciado como uma contratação milionária e bombástica.

De lá pra cá, mais de R$60 milhões saíram dos cofres do Timão para custear o jogador, podendo chegar até os R$70 milhões no fim da temporada de 2016. Até o momento o futuro do atleta está indefinido, ma tudo indica que ele voltará a vestir a camisa do Timão no próximo ano.

Relembre os três anos de Alexandre Pato no Timão:

Contratação milionária: O atleta foi o reforço mais caro da história do Timão. Chegando com a jogada de marketing de locospirose, mais um infectado ao bando, impressionou a torcida logo de cara.

Em campo: Alexandre Pato começou bem sua trajetória em campo pelo Corinthians. Logo em sua estreia, saiu do banco de reservas no segundo tempo e marcou o último gol na vitória por 5 a 0 sobre o Oeste, no ano do título Paulista.

Perda de gols decisivos: O atacante ficou marcado por perder claras chances de gol. A mais emblemática foi contra o Boca Juniors, que culminou na eliminação do time na Libertadores. Além claro da inesquecível cavadinha contra o Grêmio, na cobrança decisiva na Copa do Brasil. O jogador foi considerado displicente e foi alvo de críticas.

Bons momentos: Apesar de hoje ser questionado por seu desempenho técnico, Pato também teve bons momentos no Corinthians. Um jogo que ficou marcado foi a goleada por 4 a 0 sobre o Flamengo, no Brasileiro de 2013, em que o jogador marcou dois gols. Diante das boas atuações, Alexandre Pato chegou a ser convocado para a seleção brasileira por Felipão em 2013.

Troca por Jadson: Em fevereiro de 2014, Pato foi envolvido em um troca pelo meia Jadson, atualmente no rival São Paulo. Um dos negócios mais impactantes para o futebol nacional. O contrato era de empréstimo por dois anos, em que o rival paulista arcava com a metade do salário de R$800 mil do jogador.

Clima ruim: Após integrar o elenco do São Paulo, os animôs com o Timão não foram mais os mesmos. O jogador passou a se estranhar com os membros da diretoria alvinegra e torcida.Em junho do ano passado, ele entrou na Justiça contra o clube por conta de atrasos no pagamento dos seus direitos de imagem, e pediu a rescisão do contrato, que posteriormente foi negada. O jogador foi criticado pelo presidente do clube, Roberto de Andrade, que admitia que queria sua venda. Andrés Sanchez foi mais a fundo e chegou a dizer que o emprestaria para o Bragantino, no caso do retorno do atleta.

O Corinthians sempre admitiu que sua intenção é negociar Pato definitivamente. Além de não ter dado o retorno esportivo esperado, o atacante gerou um custo milionário ao clube. O futuro é incerto, mas o jogador e clube correm contra o tempo para encerrar a parceria antes do início dos trabalhos.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes