Trabzonspor busca treinador do Shaktar e isso pode afetar - e muito - o ataque do Corinthians

Trabzonspor busca treinador do Shaktar e isso pode afetar - e muito - o ataque do Corinthians

Por Meu Timão

Mircea Lucescu inclui Luciano e Malcom em lista de desejo para se transferir ao Trabzonspor

Mircea Lucescu inclui Luciano e Malcom em lista de desejo para se transferir ao Trabzonspor

Foto: Reprodução

Um técnico romeno pode mudar do futebol ucraniano para a Turquia. E isso não deveria ter nada a ver com o Corinthians, mas tem. O Trabzonspor se recupera de uma crise: problemas em campo, resultados ruins, mudança na gestão e a falta de treinador.

Por isso, o novo presidente do time turco quer reestruturar a equipe, trazendo um nome de peso para a Turquia. E já existe um foco: Muharrem Usta, recém eleito, aposta todas as fichas no treinador do Shaktar Donetsk, o romeno Mircea Lucescu.

Para aceitar, segundo a imprensa da Turquia, uma das condições do treinador impôs durante a "entrevista de emprego" foi a manutenção alguns dos jogadores do elenco. A outra, é a de trazer para o Trabzonspor cerca de quatro a cinco reforços. A lista - que conta somente com jogadores brasileiros - inclui dois jovens do ataque do Corinthians: a dupla Luciano e Malcom, que são vistos como apostas promissoras no leste europeu.

Apesar de polêmicas e críticas públicas a jogadores com quem trabalha, o treinador tem clara predileção por trabalhar com brasileiros. No Shaktar, são nove atletas - quase a metade da equipe - ou 10, se incluir na conta o atacante Eduardo, brasileiro naturalizado croata. Um desses brasileiros é Dentinho, jogador revelado no Parque São Jorge. Outras promessas do Campeonato Brasileiro como Marlos, Wellington Nem, Taison e Bernard, também são fichados no clube.

Todas essas contratações foram pedidas pelo próprio Lucescu, que está há 11 temporadas no time da Ucrânia. Outros nomes são Luan, do Vasco, Rodrigo Caio, do São Paulo e Gerson, do Fluminense. Todos os atletas tem entre 18 a 22 anos. Para a imprensa local, apesar de um alto custo para contar com os jogadores, a idade pesa a favor. Isso porque os perfis ainda teriam alto valor de revenda após chegada à Europa.

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes