No Corinthians, jogadores levariam anos para receber ganhos de poucos meses na China

3.9 mil visualizações 37 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Jadson foi o primeiro jogador a trocar o Corinthians pela China, em 2015

Jadson foi o primeiro jogador a trocar o Corinthians pela China, em 2015

Agência Corinthians

O maior adversário do Timão nas últimas semanas tem sido o futebol chinês e seus milhões de dólares. O elenco campeão brasileiro na última temporada é o alvo principal das investidas dos asiáticos para a temporada 2016.

Após a saída de Jadson, Renato Augusto já confirmou seu desligamento da equipe. Ralf deve seguir o mesmo caminho, já o zagueiro Gil ainda está indeciso sobre o futuro.

Com os salários astronômicos oferecidos pelos chineses, os atletas alvinegros vão garantir em poucos meses o que não levariam em diversas temporadas no Brasil. É válido lembrar que nem os salários recebidos pelo Timão e nem os dos clubes da China são confirmados pelos jogadores - todos evitam falar quanto ganham ou vão ganhar.

Veja a comparação dos salários dos atletas

O salário do meia Renato Augusto, eleito o melhor jogador e destaque do Campeonato Brasileiro na última temporada, vai chegar aos incríveis R$2,2 milhões por mês (R$26,4 milhões por ano). No Timão, sua mensalidade girava em torno da casa dos R$400 mil. Ou seja, em seis meses no futebol chinês, o meia garante o valor de três temporada atuando no Brasil.

A situação do meia Jadson é semelhante a de Renato. Com salário estimado em R$300 mil, o jogador, que chegou em uma troca com o rival São Paulo, foi um dos artilheiros da equipe na conquista do último nacional. Com proposta do Tianjin Quanjian, o jogador vai faturar sete vezes mais que no Timão. Aproximadamente, no fim da primeira temporada no clube da China, Jadson terá arrecadado R$26 milhões, mais do que em seis anos jogando pelo Corinthians.

O volante Ralf está próximo de seguir os mesmos passos dos meias do Timão. Após a novela para renovação de contrato, o salário do jogador é estimado em R$250 mil por mês (R$3 milhões por ano). Para Ralf, a proposta apresentada pela China triplica o seus ganho. Ou seja, Ralf deixaria o Brasil para garantir em sua conta quase R$1 milhão por mês. Precisaria assim de três meses fora para ganhar o mesmo que durante a temporada 2016 no Timão.

O volante Elias e o zagueiro Gil ainda podem deixar o clube do Parque São Jorge por propostas semelhantes a do trio. Já Alexandre Pato, também alvo dos asiáticos, se nega a jogar em um mercado considerado inferior.

Veja Mais:

  • Torcida não aprova o trabalho do técnico em 2019

    Avaliações negativas dominam opinião da Fiel em enquete sobre o trabalho de Carille; veja resultado

    ver detalhes
  • Janderson ganha cada vez mais espaço na equipe titular do Corinthians

    De infância na roça a recado de Dentinho: Janderson fala com a Fiel em vídeo da Corinthians TV; veja

    ver detalhes
  • Corinthians realizou mais uma atividade visando o clássico contra o Santos no sábado

    Veja em fotos como foi o treino fechado do Corinthians nesta quarta; saiba provável escalação

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo ficaram no 1 a 1 no Morumbi.

    Corinthians leva gol em falha individual e empata com o São Paulo pelas quartas do Brasileiro Sub-20

    ver detalhes
  • Camacho integrou elenco do Corinthians em 2016 e 2017; Osmar Loss (à esq.) era auxiliar-técnico

    Suspensão por doping de Camacho, emprestado pelo Corinthians, chega ao fim nesta quarta-feira

    ver detalhes
  • Corinthians ampliou a parceria com a TOTVS para a temporada de 2020

    Corinthians anuncia novo patrocínio para parte frontal da camisa em 2020

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: