Ídolo do Corinthians, Rivellino estreava (e já balançava as redes) pelo clube há exatos 51 anos

Ídolo do Corinthians, Rivellino estreava (e já balançava as redes) pelo clube há exatos 51 anos

Por Meu Timão

Rivellino esteve no primeiro evento da Arena Corinthians

Rivellino esteve no primeiro evento da Arena Corinthians

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Há exatos 51 anos, em 13 de janeiro de 1965, Roberto Rivellino estreava na equipe profissional do Corinthians. Um dos maiores ídolos dos 105 anos de história do clube, o ex-meia entrava em campo contra o Santa Cruz, no estádio dos Aflitos, em Recife (PE), para logo de cara anotar também seu primeiro gol com a camisa alvinegra.

Naquela altura, Rivellino tinha apenas 19 anos e havia sido promovido das categorias de base (o Reizinho do Parque foi formado no antigo terrão do Parque São Jorge). A equipe que entrou em campo diante dos pernambucanos, sob comando de Oswaldo Brandão, foi: Cabeção; Amaro, Cláudio, Clóvis e Oreco; Dino Sani, Rivellino, Ferreirinha e Ney; Bazani e Flávio. O Timão venceu por 3 a 0. Além de Rivellino, marcaram também Flávio e Bazani.

A passagem de Rivellino pela equipe profissional do Corinthians durou de 1965 a 1974. Nos dez anos de serviços prestados ao Timão, o ex-meia disputou 474 jogos e fez 144 gols.

Vale lembrar que Rivellino é o autor do primeiro gol da história da Arena Corinthians. Em jogo festivo que reuniu ex-jogadores do clube e marcou a inauguração do estádio, o Reizinho do Parque balançou as redes de pênalti.

Veja Mais:

  • Pedro Henrique foi uma das baixas do Corinthians no treino desta sexta

    Com dois desfalques, Corinthians se reapresenta já de olho em duelo contra Grêmio

    ver detalhes
  • Jô pode não viajar até a cidade de Tunja, na Colômbia

    Corinthians deve poupar jogadores e pode ter vários jovens da base na Colômbia

    ver detalhes
  • Guilherme Torres jogará mais quatro anos no Deportivo La Coruña

    Recopa, invasão da Fiel no Japão, Carille, La Coruña... Guilherme Torres fala ao Meu Timão

    ver detalhes
  • Pablo foi tranquilizado mais uma vez pela diretoria do Corinthians, que segue confiante

    Sem pressa e confiante: diretoria do Corinthians nem cogita possibilidade de perder Pablo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes