Ainda sem reforços, Tite abusa da criatividade para repor sistema ofensivo

Ainda sem reforços, Tite abusa da criatividade para repor sistema ofensivo

Por Meu Timão

Danilo ganha chance entre os titulares

Danilo ganha chance entre os titulares

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Neste domingo começa uma nova temporada para o Corinthians - às 17h, contra o Atlético-MG, o Timão estreia em 2016. Após inúmeras baixas no elenco, o técnico Tite tem o desafio de escalar os 11 titulares.

A princípio, o treinador visa repetir o sistema tático campeão em 2015, mantendo o 4-1-4-1, testando Rodriguinho como um meia avançado, responsável pela criação ofensiva. Danilo e Romero são os dois jogadores que estão sendo testados pelo Tite.

Homem de confiança do técnico, Danilo é a peça coringa do quebra-cabeças. Com a bola rolando, o treinador alvinegro pode alternar as posições de Danilo e Romero dentro de campo - variando a referência e a armação do time.

Durante os treinamentos, a dupla também rocou de lugar. Tite ainda não sabe quem herdará o lugar mais avançado do ataque: o paraguaio ou o camisa 20. O treinador também tentou a opção de Romero aberto pela ponta direita, trazendo Malcom para o centro.

Apesar disso, o técnico assumiu a possibilidade de mexer no esquema, trabalhando no 4-4-2. Segundo o treinador, a única certeza é a formação defensiva, com a linha de quatro jogadores. Além das peças do elenco, Tite também conta com a volta de Mendoza e os dos reforços.

Alan Mineiro ainda não está na forma física ideal, e o meia Marlone, apesar de poder estrear esta tarde, não é visto como opção por Tite. Para o comandante corinthiano, as características de Marlone fazem dele o substituto direto de Malcom, e não exatamente dos articuladores Renato Augusto e Jadson, ausências que devem ser mais sentidas.

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes