Hoje gerente de futebol, Edu Gaspar estreava pelo Corinthians há 18 anos

Hoje gerente de futebol, Edu Gaspar estreava pelo Corinthians há 18 anos

Por Meu Timão

Edu Gaspar é gerente de futebol do Corinthians desde 2011

Edu Gaspar é gerente de futebol do Corinthians desde 2011

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Há exatos 18 anos, Edu Gaspar entrava em campo pela primeira vez com a camisa do time profissional do Corinthians. No dia 18 de janeiro de 1998, o então volante de 19 anos substituiu Rincón durante amistoso contra a Caldense. A partida foi vencida pelo Timão por 4 a 1.

Na temporada seguinte, em 1999, Edu Gaspar ainda seria aproveitado no time sub-20 do Corinthians. O jogador marcou um golaço de fora da área e foi o herói da vitória corintiana por 1 a 0 sobre o Vasco, na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior daquele ano.

Com a camisa alvinegra, Edu Gaspar disputou 120 jogos, balançou as redes uma vez e conquistou dois títulos brasileiros (1998 e 1999), um paulista (1999) e o Mundial de Clubes da FIFA (2000). Ele teve duas passagens pelo Timão: de 1998 a 2001 e de 2009 a 2010.

Desde que se aposentou da carreira de jogador, em 2011, Edu Gaspar assumiu o posto de gerente de futebol do Corinthians, sendo considerado homem de confiança de Andrés Sanchez no grupo "Renovação & Transparência", que está à frente do clube desde 2007.

Veja Mais:

  • Camisa do Corinthians criada por torcedores em homenagem à Chape

    Corinthians bate o martelo sobre homenagens à Chapecoense

    ver detalhes
  • Brasileirão agora tem quatro vagas - não três - à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes
  • Alan Santos tem conversas avançadas com Corinthians

    Corinthians negocia contratação de volante do Coritiba, diz portal

    ver detalhes
  • Giovanni Augusto treinou como lateral nesta terça-feira

    Giovanni na lateral, mudança na zaga e susto de Rildo: o treino desta terça do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes