Lateral descarta favoritismo e fala sobre possibilidade de ser capitão do Corinthians

11 mil visualizações 56 comentários

Por Meu Timão

Fagner já foi capitão em algumas oportunidades

Fagner já foi capitão em algumas oportunidades

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Prestes a estrear na temporada, o Corinthians perdeu alguns de seus líderes do time principal. Os meio-campistas Ralf, Jadson e Renato Augusto eram os jogadores que mais carregaram a faixa de capitão em 2015. Com a saída desses atletas, o lateral-direito Fagner pode fazer mais jogos sendo o capitão da equipe. O camisa 23 comentou sobre a responsabilidade de usar a faixa - o técnico Tite costuma fazer um rodízio.

"Se for solicitado que eu seja o capitão, vou procurar ver da melhor maneira possível. É uma responsabilidade muito grande ser capitão no Corinthians, eu quero tentar ajudar os meus colegas, manter a postura e, antes de tudo, ser sempre a mesma pessoa, ajudar o professor também no que ele precisar dentro de uma partida ou outra. Mas acho que uma responsabilidade dessas é muito boa, muito difícil, mas muito boa", afirmou o jogador ao site da Federação Paulista de Futebol.

Questionado sobre o favoritismo do clube alvinegro na Libertadores, o defensor fugiu de polêmicas e afirmou que o time vai correr atrás de seu objetivo.

"O mais importante é sempre pensar jogo a jogo. Confiar em favoritismo antes da competição é complicado, precisamos focar nas partidas. Temos que crescer dentro do campeonato e isso vai ser predominante para que a gente consiga cuidar do nosso objetivo, ajustando algumas coisas e fazendo com que elas melhorem em todos os aspectos", comentou Fagner.

O jogador corinthiano deve ser um dos cinco atletas da temporada passada que restaram no time titular. Cássio, Felipe, Uendel e Elias também devem continuar no Corinthians para a disputa da Copa Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Giuliano será apresentado pelo Corinthians nesta quarta-feira

    Corinthians marca apresentação virtual de meia Giuliano; saiba mais

    ver detalhes
  • Giuliano completa nesta terça-feira exatos 100 dias sem entrar em campo; meia-atacante entrou em campo pela última vez no longínquo dia 25 de abril, quando atuou pelo Basaksehir, da Turquia

    Giuliano completa exatos 100 dias sem jogar; reforço do Corinthians se prepara para estreia

    ver detalhes
  • Jacinto Antônio Ribeiro, o "Jaça", conselheiro vitalício do clube, e pivô de conflito com Brazil nas últimas semanas; Márcio Bittencourt, ex-jogador e ex-treinador da base do clube

    Desentendimento na base do Corinthians separa Sub-23 das demais categorias; entenda

    ver detalhes
  • Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

    Pressão sobre Sylvinho aumenta no Corinthians; dois fatores jogam a favor do treinador

    ver detalhes
  • Ousado chegou ao Corinthians Free Fire em janeiro

    Técnico do Corinthians Free Fire abre o jogo sobre a saída de Ousado

    ver detalhes
  • Bloqueio é referente a valores não pagos à Federação das Associações de Atletas Profissionais

    Corinthians tem quase R$ 2 milhões bloqueados pela Justiça por dívida com programa social

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x