Com gol no finalzinho, Timão vence XV de Piracicaba na Arena Corinthians

Corinthians Corinthians 1 x 0 XV de Piracicaba XV de Piracicaba

Paulista 2016

Com gol no finalzinho, Timão vence XV de Piracicaba na Arena Corinthians

Por Meu Timão

Corinthians estreou contra o XV de Piracicaba na Arena Corinthians

Corinthians estreou contra o XV de Piracicaba na Arena Corinthians

Foto: Reprodução TV

Neste domingo, o Corinthians estreou oficialmente na temporada 2016, contra o XV de Piracicaba na Arena em Itaquera. A equipe se reencontrou com a torcida após o desmanche que levou seis titulares que compunham o elenco que foi Campeão Brasileiro na temporada passada.

A saída dos titulares - que só começou próxima à reapresentação, na primeira semana de janeiro - forçou a diretoria a correr contra o tempo para encontrar reforços. Por isso, dentre os nomes anunciados, somente Marlone estava física e legalmente preparado para o jogo. O meia ficou à disposição do técnico Tite e foi o único dos recém-chegados a ser relacionado para a partida inaugural.

Além de Marlone, Tite tinha no banco Edílson, Guilherme Arana, Matheus Vidotto, Maycon, Pedro Henrique, Vilson e Walter. Para a equipe titular, o treinador manteve o vencedor 4-1-4-1 e escalou Cássio, Fagner, Felipe, Yago, Uendel, Bruno Henrique, Elias, Rodriguinho, Lucca, Ángel Romero e Danilo.

Primeiro tempo

O começo do jogo foi brevemente atrasado pela arbitragem: com os dois times já em campo, o árbitro solicitou a mudança dos uniformes. Enquanto o Corinthians jogava com calções pretos e camisa branca, o XV vestia branco embaixo e camisa com listras escuras. Por essa razão, o juiz reuniu os treinadores e conversou por algum tempo, ao final, optou-se por manter o arranjo e evitar demora.

Com a situação resolvida, deu-se início ao primeiro tempo de jogo, quando o Corinthians mostrou ainda sentir dificuldade no entrosamento. A equipe até teve algum volume no ataque, e chegou algumas vezes contra o gol do XV, mas não levou muito perigo ao goleiro Bruno.

Sem grandes ameaças, as jogadas mais perigosas aconteceram por volta dos 25 minutos, com bonito passe de Romero para Lucca, que pegou de primeira mas bateu para fora; e aos 28 minutos, com lance de pênalti. Yago recebeu falta dentro da área de Daniel, que ainda levou amarelo.

Rodriguinho foi para a cobrança mas não converteu. O Corinthians sentiu o erro e sofreu um contra-ataque pouco tempo depois. O lance terminou com bola na rede, mas foi invalidado por ter sido marcado com posição irregular do ataque do XV de Piracicaba. Nenhum lance notável aconteceu após esse e a etapa terminou sem gols.

Segundo tempo

Para a segunda etapa, o Corinthians voltou sem alteração. Além da dificuldade de se articular, o Timão ainda precisou lidar com o adversário evitando o jogo. O time comandado pelo técnico Claudinho ficou confortável com o empate em plena Arena e segurou a partida.

Excesso de faltas e muita cera deixaram o ritmo dos 45 minutos finais lentos e pouco interessantes. Do lado corinthiano, a falta de precisão para finalização e último passe foi a maior fraqueza. Por esse motivo, Tite tentou modificar a equipe.

A primeira alteração foi 14 minutos, com a saída de Lucca para entrada - e estreia oficial - do meia Marlone. A segunda mudança veio aos 23, com Arana entrando na vaga de Uendel, mas o jogo parecia caminhar para o empate.

Apesar disso, já nos acréscimos, aos 47 minutos, um jogador foi compensado pelo esforço: o paraguaio Angel Romero. Em jogada conturbada, Elias se chocou com o goleiro Bruno, e Romero, oportunista, não desperdiçou e mandou a bola para o fundo das redes.

Com o resultado, o Timão sai na frente, com 3 pontos de vantagem no Campeonato Paulista. O próximo jogo acontecerá nesta quinta-feira, dia 4, quando o Corinthians enfrenta o Audax, em Osasco, também pelo Campeonato Paulista.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e XV de Piracicaba

  • 1000 caracteres restantes