Corinthians ainda teme perder jogadores para China até fim da janela

Corinthians ainda teme perder jogadores para China até fim da janela

Eduardo Ferreira disse ainda temer investidas da China

Eduardo Ferreira disse ainda temer investidas da China

Foto: Meu Timão

A janela de transferência da Europa fechou nesta segunda-feira, mas o Corinthians ainda não respira. Isso porque seu maior problema neste início de ano foi com a China e a janela da Ásia ainda está aberta.

O diretor adjunto de futebol, Eduardo Ferreira, declarou que o clube ainda tem receio de perder jogador para os times chineses nesse início de ano. E que, por isso, a diretoria não pode dar como descartado ter novos reforços daqui para frente.

"Esperamos primeiro que não saia mais ninguém. Ainda ficamos um pouco apreensivos com a janela da China, que vai até o fim do mês. Em relação às chegadas, o ciclo está fechado, mas ficamos 24 horas por dia abertos a oportunidades de mercado. Não descartamos a possibilidade de chegar alguém", explicou, em coletiva nesta terça.

O último reforço, que fecha esse ciclo citado pelo diretor, é o zagueiro Fabián Balbuena. Edu confirmou que o Libertad, do Paraguai, aceitou a proposta do Timão pelo jogador e agora acerta detalhes. O acordo deve ser selado nesta quarta-feira.

Já sobre a China, a apreensão da diretoria ainda vai demorar. A janela de transferência para o país ainda fica aberta até o dia 25 de fevereiro. O volante Elias é um dos jogadores que chegou a ser sondado por um time chinês, mas o negócio não evoluiu.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Craque do futsal do Corinthians, Leandro Lino deve jogar pelo Sorocaba em 2017

    Quatro campeões do Corinthians recebem proposta do Sorocaba e devem 'virar casaca' em 2017

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes