Depois de perder para o Corinthians, jogador do Audax reclama da arbitragem

Depois de perder para o Corinthians, jogador do Audax reclama da arbitragem

Por Meu Timão

O Corinthians derrotou o Audax na última quinta-feira

O Corinthians derrotou o Audax na última quinta-feira

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Após ser derrotado para o Corinthians na noite da última quinta-feira, o meia-atacante Bruno Paulo reclamou do lance em que teria sido derrubado pelo goleiro Cássio - a partida terminou em 1 a 0 para o time alvinegro, no estádio José Liberatti. A confusão ocorreu aos nove minutos da primeira etapa, quando o jogador tentou driblar o arqueiro corinthiano e caiu logo em seguida.

"Fui tocado. Todo mundo quer fazer o gol, ainda mais contra o Corinthians. O juiz mesmo disse durante o jogo. Eu sei que fui tocado no lance", disse Bruno Paulo ao site GloboEsporte.com.

O lance não rendeu a expulsão de Cássio, pelo contrário, o árbitro Thiago Duarte Peixoto deu cartão amarelo por simulação para o meia do Grêmio Osasco. Nenhum outro jogador do clube osasquense esbanjou reclamação - foram "apaziguados" pelo camisa 10 do Audax, Rodrigo Andrade.

Na temporada passada, o Timão foi alvo de muitas reclamações sobre arbitragem. O ex-técnico do Atlético-MG, Levir Culpi, afirmou que o Brasileirão estava manchado pela arbitragem - mesmo tendo acabado 12 pontos atrás do Corinthians na tabela.

O técnico Tite elogiou a atuação do trio de arbitragem e disse que achou que o jogador do Audax cavou a falta.

"Tenho uma convicção. A arbitragem foi muito serena, bem tranquila e as duas equipes procuraram jogar futebol. Pela reclamação dos jogadores e por minha impressão, ele procura o contato e provoca a situação de queda", disse o treinador corinthiano.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes