Após mudanças, Corinthians projeta faturamento milionário na fase de grupos

Após mudanças, Corinthians projeta faturamento milionário na fase de grupos

Por Meu Timão

Timão inicia caminhada rumo ao bicampeonato dia 17, contra o Cobresal (CHL), fora de casa

Timão inicia caminhada rumo ao bicampeonato dia 17, contra o Cobresal (CHL), fora de casa

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians já tem conhecimento do quanto deve faturar com a fase de grupos da Copa Libertadores da América. Com as novas premiações, anunciadas pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) na última semana, e a comercialização de ingressos, o financeiro do Timão pretende arrecadar mais de R$ 16 milhões. A informação é do jornal LANCE!.

A princípio, a projeção se deve a três fatores determinantes: fim da taxa de 10% da renda bruta das partidas, aumento no valor pago pela entidade para jogos em casa e a venda de tickets pelo Fiel Torcedor, programa de fidelização do clube alvinegro.

Até 2015, a Conmebol, responsável pela organização do torneio continental, cobrava 10% da renda com bilheteria dos clubes em cada duelo. O encargo era considerado abusivo por parte do Corinthians – na última edição da Libertadores, por exemplo, o time do Parque São Jorge repassou cerca de R$ 1,3 milhão à confederação pelos quatro embates disputados na Arena.

Além disso, a partir deste ano, as equipes receberão em torno de US$ 600 mil (cerca de R$ 2,4 milhões) por mando durante a fase de grupos. A efeito de comparação, o antigo montante era de US$ 300 mil – um reajuste de 100% do valor. Por fim, o Timão planeja faturar, a cada confronto em Itaquera, em torno de R$ 3 milhões de renda bruta (aproximadamente R$ 2 milhões líquidos).

Integrante do Grupo 8 da Libertadores, o Corinthians enfrentará Cerro Porteño (PAR), Cobresal (CHL) e o vencedor do confronto entre Oriente Petrolero (BOL) e Independiente Santa Fé (COL) durante a fase de grupos. A estreia acontece no próximo dia 17, contra o Cobresal, às 21h45 (horário de Brasília), fora de casa.

Críticas à Conmebol - A decisão da entidade em aumentar as premiações da Libertadores vai ao encontro das críticas de Andrés Sanchez, ex-superintendente de futebol do Corinthians. Incomodado com a desvalorização aos clubes, o dirigente promoveu uma campanha para que o Timão permanecesse fora das competições organizadas pela confederação - dentre elas, a Libertadores.

Confira a projeção de receita do Corinthians com a fase de grupos da Libertadores

Premiação da primeira fase: US$ 1,8 milhão (cerca de R$ 7,2 milhões)
Renda: R$ 2,5 milhões de renda líquida por jogo em casa – R$ 7,5 milhões

Veja Mais:

  • Jô marcou o gol da vitória do Corinthians

    Artilheiro Jô marca no fim, e Corinthians supera Chapecoense na Arena Condá

    ver detalhes
  • Jô assegurou vitória do Corinthians em Chapecó

    Líder absoluto, Corinthians abre dez pontos de diferença para segundo colocado

    ver detalhes
  • Léo Santos jogou no lugar de Balbuena, que está suspenso e machucado

    Prata da casa supera até Jô e é eleito craque da vitória do Corinthians sobre Chapecoense

    ver detalhes
  • Guilherme Arana está lesionado

    Possível nova oferta por Arana não abala diretoria do Corinthians: 'Ninguém sai até dezembro!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes