Gol de Giovanni Augusto salva invencibilidade de quase dois anos do Corinthians

Gol de Giovanni Augusto salva invencibilidade de quase dois anos do Corinthians

Por Meu Timão

Giovanni Augusto marcou seu primeiro gol com a camisa do Corinthians

Giovanni Augusto marcou seu primeiro gol com a camisa do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

O gol anotado por Giovanni Augusto no fim do jogo do Corinthians contra a Ferroviária, que salvou a equipe alvinegra da derrota e garantiu o empate por 2 a 2, teve importância na busca por uma marca importante do clube no Paulistão. Graças ao tento do meia recém-chegado, o Timão manteve uma invencibilidade de quase dois anos no Estadual.

A última derrota do Timão aconteceu no dia 9 de março de 2014. Na ocasião, o Corinthians perdeu para o São Paulo por 3 a 2, no Pacaembu. Os dois gols alvinegros foram contra, anotados pelo então são-paulino Antônio Carlos.

De lá para cá, o Corinthians acumulou 17 vitórias e sete empates em 24 partidas realizadas, com 39 gols a favor e 13 contra. Restam duelos contra São Bento (24/2, fora), Oeste (27/2, casa) e Santos (6/2, fora) para completar dois anos de invencibilidade.

Em tempo: Tite, que deixou o cargo de técnico do Corinthians em dezembro de 2013 e assumiu a equipe novamente em dezembro de 2014, não sabe que é perder no Estadual desde 14 de abril de 2013, quando caiu para o Linense, por 2 a 1.

Veja Mais:

  • Jogadores usaram máscaras em brincadeira do Corinthians

    Em clima de Carnaval, Corinthians provoca e dá máscaras para Gabriel e Maycon

    ver detalhes
  • Vitor Hugo publicou vídeo nesta quinta-feira

    Em rede social, Vitor Hugo publica vídeo com pedido de desculpas a Pablo; confira

    ver detalhes
  • Corinthians e Santos ainda não se enfrentaram em 2017

    FPF altera horário do clássico entre Corinthians e Santos na Arena

    ver detalhes
  • Thiago Duarte Peixoto será afastado dos gramados e passará por avaliação na FPF

    Após assumir erro, árbitro de Dérbi é afastado e passa por avaliação na FPF

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes