Giovanni Augusto fala sobre posição, elogia Tite e projeta duelo com colombianos: 'Vão jogar na retranca'

6.5 mil visualizações 54 comentários

Por Meu Timão

Giovanni entrou no segundo tempo do embate contra o Cobresal, no último dia 17, no Chile

Giovanni entrou no segundo tempo do embate contra o Cobresal, no último dia 17, no Chile

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Recém-chegado, o meia Giovanni Augusto deve receber nova chance entre os titulares do Corinthians na partida desta quarta-feira, diante do Independiente Santa Fe (COL), pela Copa Libertadores da América. Adaptado ao novo clube, o camisa 17 espera aprimorar a forma física no decorrer da temporada para desempenhar função semelhante à exercida por Jadson, responsável pela armação de jogadas do Timão em 2015.

Durante participação no programa Bem, Amigos!, do SporTV, Giovanni afirmou não ter preferência por posição e citou quais setores deve render mais. “Ano passado, com o Levir Culpi (então técnico do Atlético-MG), eu joguei mais na função de armador. Às vezes, quando não estava dando muito certo, ele me recuava pra volante e liberava o Dátolo”, recordou.

“Esse ano, o Tite tem me optado pela função mais pelo lado do campo, que te exige muito fisicamente. Aos pouquinhos estou chegando ao nível 100%”, acrescentou o apoiador de 26 anos. Sobre o técnico do Corinthians, aliás, Giovanni foi conciso – mesmo com pouco tempo de Timão, o jogador rendeu elogios ao comandante e ressaltou o profissionalismo de seu “novo professor”.

“O professor Tite conversa com a gente bastante durante a semana, mostra vídeos de times da Série C à Champions League. Você entra em campo sabendo os atalhos que tem que fazer dentro de campo. Isso facilita bastante”, destacou, acrescentando quando o material preparado pela comissão técnica é apresentado. “Na concentração e sempre antes dos treinamentos, um dia antes do jogo”.

Depois da vencer o Cobresal por 1 a 0, na estreia da Libertadores, o Timão volta a campo nesta quarta, diante do atual campeão da Copa Sul-Americana, às 21h45 (de Brasília), em Itaquera. Provável titular no confronto, Giovanni já sabe qual será a postura do adversário colombiano durante os 90 minutos. “Será um adversário bastante difícil, a bola não queima no pé. Com certeza vão jogar na retranca, devem vir no contra-ataque. Esperamos fazer um grande jogo”, completou.

Veja Mais:

  • Róger Guedes chegou ao Corinthians em agosto e já recebeu proposta do futebol áraabe

    Corinthians recusa proposta de clube árabe por Róger Guedes

    ver detalhes
  • Renato Augusto em treino no CT Joaquim Grava nesta quinta-feira

    Corinthians faz treino tático em segundo dia de atividade para encarar o Grêmio

    ver detalhes
  • Ronaldo defendeu o Corinthians pouco antes de encerrar sua carreira

    Ronaldo relembra esforço do Corinthians para contratá-lo e bastidores de Majestoso em 2009

    ver detalhes
  • Ronaldo falou sobre planos da diretoria do Corinthians para 2022

    Ronaldo Giovanelli fala em 'patrocinador fortíssimo' e reforços para o Corinthians em 2022

    ver detalhes
  • Arthur Elias busca décimo título pelo Corinthians feminino em seis anos de trabalho

    Arthur Elias diz que permanência no Corinthians em 2022 é 'quase certa' e projeta ida ao masculino

    ver detalhes
  • Presidente do Conselho Deliberativo do Corinthians recebeu um camarote com 12 lugares na Neo Química Arena

    Presidente do Conselho do Corinthians rebate críticas após receber camarote na Neo Química Arena

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x