Corinthians vence jogo difícil na Arena e se isola na liderança do grupo na Libertadores

Corinthians Corinthians 1 x 0 Santa Fe Santa Fe

Libertadores 2016

Corinthians vence jogo difícil na Arena e se isola na liderança do grupo na Libertadores

Por Meu Timão

Em noite chuvosa, o Corinthians fez seu segundo jogo da Libertadores na noite desta quarta - o primeiro no solo sagrado de Itaquera. O adversário, o duríssimo Independiente Santa Fe, atual campeão da Copa Sulamericana, prometia um das partidas mais difíceis do Timão na temporada.

A torcida, mais uma vez, compareceu em peso e ocupou 39.246 lugares da Arena, para apoiar a equipe que entrou em campo com Cássio, Fagner, Felipe, Yago, Uendel, Bruno Henrique, Rodriguinho, Giovanni Augusto, Guilherme, Lucca e André.

O treinador Tite apostou no seu tradicionalíssimo 4-1-4-1 contra o time do estrategista Gerardo Pelusso. Mas nem mesmo a familiaridade com o estádio e com o esquema tático diminuiu a dificuldade e a tensão da Libertadores. O jogo deu trabalho e mais uma vez elevou a pressão dos corinthianos, que não tem sofrido até o último minuto das partidas.

Aquele último passe...

A primeira etapa da partida foi de domínio alvinegro. A equipe teve alguma vantagem na posse de bola, conseguiu boas oportunidades e marcou forte a saída de bola adversária. Tite empurrou a equipe para cima e o Santa Fe segurou-se no campo de defesa.

O Corinthians fez um bom primeiro tempo, mas a equipe recém-formada demonstra ainda escorregar no entrosamento e repete erros de fundamento em campo. Embora seja preciso na marcação, o Timão comete erros de passe e ainda peca na finalização.

As equipes se estudaram durante o primeiro terço da etapa, mas o Corinthians aos poucos foi dominando o ritmo do jogo. Apesar disso, a primeira metade da partida foi longe de ser tranquila, e o time sofreu com a tradicional catimba sulamericana e com a omissão da arbitragem. O juiz, parecia aplicar dois critérios, parando o jogo a cada contato do Corinthians e ignorando as entradas do adversário na equipe corinthiana.

Mesmo melhor no jogo, o Timão ficou no empate sem gols nos primeiro tempo.

Enfim, o grito: GOOOOOOOL!!

A atuação do primeiro tempo agradou o técnico Tite, que fez o time voltar sem mudanças para a segunda etapa. A equipe pareceu um pouco mais tranquila, evitando os erros de passe e sendo mais efetiva nas chances de gol.

A mudança de atitude surtiu resultado, e, para alegria dos cardíacos, dessa vez não esperou os minutos finais. Aos 20 minutos, Rodriguinho, mesmo sem espaço, fez belo cruzamento para Guilherme, que subiu livre na área e cabeceou com categoria para dentro do gol de Zapata.

Depois do lance, o Santa Fe foi pra cima e deu muito mais trabalho ao Corinthians, fazendo o goleiro Cássio suar na partida. Ao Timão, restou explorar os espaços de contra ataque e manter a bola no campo de ataque, para evitar a pressão.

Aos 36 minutos, Danilo entrou no lugar de André, atuando como centroavante com a missão de segurar a bola no ataque. Minutos depois, Guilherme, o autor do gol, deixou o campo sendo ovacionado pela Fiel, para a entrada do volante Willians. A última mexida foi a saída de Bruno Henrique, que mancando, deu lugar à Edílson.

Com o resultado, o Timão assume a liderança isolada do grupo 8 e mantém 100% de aproveitamento na competição. Agora, porém, o time se volta para outro desafio: no domingo, a equipe entra em campo pelo Paulista e encara o Santos em clássico na Vila Belmiro.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Santa Fe

  • 1000 caracteres restantes