De volta, Cássio evita comparações com equipe campeã brasileira: 'É outra história'

De volta, Cássio evita comparações com equipe campeã brasileira: 'É outra história'

Por Meu Timão

Cássio comemorou vitória 'magra' do Timão em Itaquera

Cássio comemorou vitória 'magra' do Timão em Itaquera

Foto: Reprodução

Ainda em reconstrução, o Corinthians manteve o 100% de aproveitamento na Copa Libertadores da América. No retorno de Cássio, o Timão bateu o Independiente Santa Fe, da Colômbia, nesta quarta-feira, na Arena, e chegou à liderança do grupo 8. O goleiro, aliás, avaliou o desempenho da equipe alvinegra diante do atual campeão da Copa Sul-Americana.

“É importante ganhar o jogo. Nós jogamos com uma equipe que joga há um tempo junto, muita qualificada. Conseguimos imprimir nosso ritmo e acho que foi merecido”, disse o camisa 12, que voltou ao time depois de ficar fora de duas partidas devido a uma lesão na coxa. Remanescente do elenco hexacampeão brasileiro, Cássio foi sincero ao falar sobre o “novo Corinthians”.

“O time do ano passado é uma história, esse ano é outra. Mas de repente de uma outra maneira a gente consegue essa consistência que vem tendo. A gente continuou com o mesmo espírito, todo mundo é importante e tem que estar preparado para ajudar”, explicou o arqueiro, que comentou o sentimento de perder jogos por conta de lesão.

“É sempre ruim ficar só treinando. Infelizmente eu machuquei, perdi duas partidas, mas agora estou feliz pela vitória. O time se doou, buscou o gol a todo momento e foi premiado com a vitória”, finalizou. O Corinthians volta a campo no próximo domingo, diante do Santos, pelo Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Corinthiano Luidy é o novo reforço do Figueirense

    Anunciado por clube da Série B, Luidy agradece Corinthians

    ver detalhes
  • Timão e Caixa não chegaram a acordo pela renovação

    Corinthians recebe ofertas, mas pode permanecer sem patrocínio master na decisão; veja imposições

    ver detalhes
  • Fagner não corre risco de perder finais do Paulistão

    Julgamento de Fagner por suposta agressão no Majestoso acontecerá só após finais do Paulistão

    ver detalhes
  • Jadson, com a 10, fez um dos gols contra a Universidad de Chile na Arena

    Corinthians vai devolver camisa 10 a Jadson; utilização na decisão ainda é incógnita

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes