Mais da metade dos jogos do Corinthians no ano tem placar mínimo de 1 a 0

1.7 mil visualizações 61 comentários

Por Lucas Mariano

Cinco das sete vitórias do Timão foram por 1 a 0

Cinco das sete vitórias do Timão foram por 1 a 0

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mesmo após ter passado por diversas mudanças no início do ano, o Corinthians vem surpreendendo. Melhor equipe do Campeonato Paulista e líder isolado do Grupo 8 da Copa Libertadores, o Alvinegro ainda está invicto em jogos oficiais e tem uma marca na temporada: as vitórias com o placar mínimo de 1 a 0.

O clube do Parque São Jorge venceu sete dos nove jogos disputados no ano, sendo cinco deles com apenas um gol marcado e nenhum sofrido. As outras duas vitórias com resultado diferentes foram na partida contra o Capivariano, vencida por 2 a 1, e no clássico contra o São Paulo, no qual o Timão aplicou 2 a 0.

As vitórias por 1 a 0 foram conquistadas nas duas primeiras partidas oficiais do ano, contra XV de Piracicaba e Audax, na estreia da Libertadores – contra o Cobresal - e nos dois últimos jogos disputados, diante de Oeste e Santa Fe.

O predomínio dos resultados permite duas análises do “novo” Corinthians de 2016: a consistência defensiva e as dificuldades no ataque.

No setor defensivo, o Corinthians perdeu Gil, porém Felipe assumiu a responsabilidade, vem fazendo boas partidas e, ao lado de Yago, mantém o bom aproveitamento da defesa – uma marca de Tite em todos os anos que esteve no comando do Alvinegro.

Já os poucos gols apontam a dificuldade da equipe em criar jogadas. Além de o meio campo ter sido o setor que mais sofreu reformulação com as saídas de Ralf e dos armadores Jadson e Renato Augusto, o time também perdeu Vagner Love, que até então era a referência no ataque.

Mantendo o mesmo estilo de jogo do ano passado, Guilherme e Giovanni Augusto ganharam espaço no meio, enquanto André foi escalado como centroavante nas últimas duas partidas. Apesar dos triunfos, ainda é nítida a falta de entrosamento da equipe, o que é reconhecida pelos próprios jogadores. A situação, no entanto, é considerada normal inclusive por Tite, que pede paciência neste início de ano, mas que acredita que em breve a equipe encaixará no sistema de jogo proposto.

Veja os resultados do Corinthians em 2016:

Corinthians 1 x 0 XV de Piracicaba – Campeonato Paulista
Audax 0 x 1 Corinthians – Campeonato Paulista
Corinthians 2 x 1 Capivariano – Campeonato Paulista
Corinthians 2 x 0 São Paulo – Campeonato Paulista
Cobresal 0 x 1 Corinthians – Copa Libertadores
Ferroviária 2 x 2 Corinthians – Campeonato Paulista
São Bento 1 x 1 Corinthians – Campeonato Paulista
Corinthians 1 x 0 Oeste – Campeonato Paulista
Corinthians 1 x 0 Santa Fe – Copa Libertadores

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez teve mais uma notícia ruim na noite desta segunda-feira

    Conselho de Orientação do Corinthians também sugere reprovação de contas de 2019

    ver detalhes
  • Corinthians pode devolver Yony González e economizar quase R$ 20 milhões

    [Marco Bello] Corinthians pode devolver Yony González e economizar quase R$ 20 milhões

    ver detalhes
  • Cantillo foi um dos destaques do Corinthians no início da temporada

    Cantillo apresenta sintomas de Covid-19 e pode desfalcar Corinthians em Dérbi

    ver detalhes
  • As três opções de escalação para posição problemática no Corinthians de Tiago Nunes

    VÍDEO: As três opções de escalação para posição problemática no Corinthians de Tiago Nunes

    ver detalhes
  • Atacante Jô pode reestrear pelo Corinthians na retomada do Campeonato Paulista

    CBF define janelas internacionais, e Jô pode reestrear pelo Corinthians contra o Palmeiras

    ver detalhes
  • Equipe Sub-23 do Corinthians ganhará atenção especial de Tiago Nunes em 2020

    Corinthians volta a renovar contrato de dupla do Sub-23 em meio à paralisação da base

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: