Árbitro que apitou goleada do Timão em 2015 é escalado para jogo contra Cerro Porteño

Árbitro que apitou goleada do Timão em 2015 é escalado para jogo contra Cerro Porteño

Por Meu Timão

Diego Haro apitará duelo entre Corinthians e Cerro Porteño

Diego Haro apitará duelo entre Corinthians e Cerro Porteño

Foto: Divulgação

A Conmebol já definiu qual será a equipe de arbitragem que estará à frente do jogo entre Corinthians e Cerro Porteño (PAR), nesta quarta-feira, a partir das 19h30, no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção. Trata-se de um trio peruano.

O juiz responsável pela partida será Diego Haro. Os assistentes, por sua vez, serão Braulio Cornejo e Coty Carrera. O quarto árbitro, Joel Alarcon, também é peruano.

Esta será a segunda vez que Haro apita um jogo do Timão. O peruano foi o juiz da goleada alvinegra por 4 a 0 sobre o Danubio (URU), em 1º de abril do ano passado, pela fase de grupos da Libertadores. Na ocasião, seu conterrâneo Paolo Guerrero anotou três tentos para o Corinthians.

Corinthians e Cerro Porteño entram em campo brigando pela ponta de cima do Grupo 8 da Libertadores. Com seis pontos, o Timão lidera a chave, enquanto os paraguaios aparecem em segundo lugar com quatro pontos. Santa Fe (1) e Cobresal (0) completam o grupo.

Veja Mais:

  • Noite vai ser de Arena Corinthians lotada para confronto decisivo

    Fiel garante quase 10 mil ingressos em um dia; Corinthians atualiza parcial contra o Grêmio

    ver detalhes
  • Corinthians venceu Grêmio por 1 a 0 no primeiro turno, em Porto Alegre

    Final de campeonato? Corinthians e Grêmio se enfrentam pela liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Emprestado pelo Bordeaux, defensor tem futuro indefinido no Corinthians

    Sem definição com o Corinthians, agente de Pablo se reúne com Bordeaux por possível plano B

    ver detalhes
  • Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

    De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes