Há sete anos, Fenômeno marcava pela primeira vez com a camisa do Timão

Há sete anos, Fenômeno marcava pela primeira vez com a camisa do Timão

Por Meu Timão

Ídolo do Corinthians, Ronaldo marcava primeiro gol pelo clube há sete anos

Ídolo do Corinthians, Ronaldo marcava primeiro gol pelo clube há sete anos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O roteiro não poderia ser diferente. 08 de março de 2009, clássico entre Corinthians e Palmeiras, válido pela 13ª rodada do Campeonato Paulista. Naquela tarde de domingo, Ronaldo Fenômeno viu o Timão sair atrás do placar, mas chamou a responsabilidade e fez o que parecia impossível: marcou seu primeiro gol pelo clube e, de quebra, mostrou para o mundo que estava de volta ao futebol mais uma vez.

Aos 47 minutos do segundo tempo, Ronaldo aproveitou a cobrança de escanteio de Douglas e subiu de cabeça, garantindo o empate em 1 a 1 daquele Derby Paulista. Sete anos se passaram desde então, mas a imagem do camisa 9 pulando o alambrado do estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente-SP, para comemorar com a Fiel permanece viva na memória torcedor corinthiano.

Mesmo com inúmeras lesões e cirurgias durante a carreira, o craque mudou a história do Corinthians. Dentro de campo, se tornou fundamental nos títulos do Paulistão e da Copa do Brasil, ambos em 2009. Jogadas brilhantes, como o gol de cobertura em Fábio Costa, na final do Estadual contra o Santos, ou o tento marcado sobre o Internacional, na decisão da competição nacional, fizeram de Ronaldo ídolo da história do Timão. Ao todo, marcou 35 gols em 69 jogos (média de 0,5).

Ainda assim, Ronaldo mudaria a “cara” do clube do Parque São Jorge de outra maneira. Contratado pelo então presidente Andrés Sanchez em 2008, o atacante com passagens por Barcelona (ESP), Inter de Milão (ITA) e Real Madrid (ESP) trouxe visibilidade internacional, atraiu patrocínios e aperfeiçoou o marketing corinthiano.

Após sua vinda, o Timão modernizou suas instalações, construiu um dos mais modernos centros de treinamento do mundo – o CT Dr. Joaquim Grava – e ergueu a Arena Corinthians, palco da abertura da Copa do Mundo no Brasil em 2014 e casa da equipe alvinegra, atual campeã brasileira.

Relembre o primeiro gol de Ronaldo pelo Timão

Veja Mais:

  • Corinthians foi bicampeão mundial em 2012, diante do Chelsea, no Japão

    Grêmio cai, e Corinthians segue sendo último sul-americano campeão do Mundial da Fifa

    ver detalhes
  • Yago volta ao Corinthians na primeira semana de janeiro

    Após empréstimo, zagueiro é reintegrado ao Corinthians; Del'Amore no radar

    ver detalhes
  • Scarpa tem reunião marcada com empresários neste sábado

    Alvo do Corinthians, Scarpa agenda reunião com representantes para decidir futuro

    ver detalhes
  • Promoção da empresa Apito Promocional na camisa durante o Brasileirão 2012

    Corinthians mantém cobrança milionária contra ex-patrocinador; calote chega a cinco anos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes