Explicação do Corinthians ao Cade por venda de direitos de transmissão pode complicar Globo

Em negociações para os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro, o Corinthians explicou, em questionário, ao Cade algumas coisas referentes as negociações dos direitos de TV.
Roberto de Andrade respondeu o questionário enviado pelo Cade

Roberto de Andrade respondeu o questionário enviado pelo Cade

Foto: Agência Corinthians

Em questionário enviado pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), o Corinthians respondeu assuntos referentes às negociações dos direitos de transmissão de TV. No documento, o presidente Roberto de Andrade afirmou que a Rede Globo fez uma proposta conjunta ao clube alvinegro - ou seja, fez uma única proposta por todas as mídias (TV aberta e fechada, pay-per-view, telefonia móvel etc). As informações são da Folha de S. Paulo.

"Conforme detalhadamente informado na resposta anterior, o Sport Club Corinthians Paulista celebrou seis contratos com o Grupo Globo relativos à transmissão dos Campeonatos Brasileiros de 2019 e 2020. À época não se falou em negociação por mídia, mesmo porque não havia nenhuma proposta concorrente. O valor proposto englobava todas as mídias: TV aberta, incluindo publicidade estática, TV fechada (por assinatura), pay-per-view, internet, telefonia móvel, e exploração internacional", detalhou o presidente no questionário.

A ação de venda conjunta é proibida pelo orgão de defesa, pois fere os princípios da livre concorrência. Ainda no questionário, o presidente corinthiano explicou que a Globo não condicionou o clube a assinar aqueles termos.

"Não houve nenhum condicionamento imposto pelo Grupo Globo que vinculasse a aquisição dos direitos de transmissão em TV aberta, por parte da Rede Globo, a um aceite da venda de direitos de transmissão em TV Fechada/PPV para o referido grupo", detalhou o cartola.

Caso for comprovada a proposta conjunta, o Cade terá que abrir uma investigação mais aprofundada do assunto, que no caso seria um inquérito administrativo. Em 2010, a Rede Globo havia se comprometido a fazer propostas independentes nas negociações com os clubes.

A investigação pode acarretar em uma quebra de contrato entre as partes. No final do documento, o presidente alvinegro confirmou que o Corinthians não está em negociações com o Esporte Interativo, que pertence a empresa Turner.

"O Sport Club Corinthians Paulista não recebeu proposta do Grupo EI", confirmou o presidente.

Explicação do Corinthians ao Cade por venda de direitos de transmissão pode complicar Globo Explicação do Corinthians ao Cade por venda de direitos de transmissão pode complicar Globo 184
2016-03-12T20:26:08-03:00

Veja Mais:

  • De volta ao Timão, Marciel inicia duelo com Botafogo deste sábado

    Precisando vencer, Timão visita o Botafogo com Marciel entre novidades

    ver detalhes
  • Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    [Marco Bello] Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade tem buscado diminuir dívidas do Corinthians a longo prazo

    Corinthians abre números, mostra dívidas diminuírem e tem lucro parcial em 2016

    ver detalhes
  • De volta ao Timão, Marciel deve enfrentar Botafogo neste sábado

    Sem Cássio, Carille surpreende e promove duas mudanças no time para pegar Botafogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes