Corinthians se pronuncia sobre violência policial e afirma ter cobrado explicações do comando da PM

Corinthians se pronuncia sobre violência policial e afirma ter cobrado explicações do comando da PM

Por Meu Timão

Pai e filho chorando após bombas atiradas pela polícia militar no último sábado na Arena

Pai e filho chorando após bombas atiradas pela polícia militar no último sábado na Arena

Foto: Reprodução / Twitter

O Corinthians enfim se pronunciou acerca da ação truculenta da polícia militar que vem marcando negativamente os jogos na Arena em 2016. Por meio de uma nota publicada em seu site no início de tarde desta segunda-feira, o clube afirmou ter cobrado a polícia militar após as cenas de violência do último sábado e disse ter solicitado uma reunião junto com o comando do policiamento.

Ademais, o Corinthians afirmou "reprovar e repudiar atos de violência de qualquer espécie". O clube também prometeu emitir nova nota assim que haja algum retorno da polícia. A tendência é uma nova manifestação por parte do Timão acontecer após a reunião que deve acontecer nos próximos dias com os responsáveis pela polícia militar de São Paulo.

Ao término do jogo entre Corinthians e Linense, no último sábado, o entorno da Arena se transformou numa praça de guerra, com tiros de bala de borracha e bombas de gás lacrimogêneo arremessadas em direção à torcida. Vídeos, fotos e relatos mostram torcedores (muitos com crianças) encurralados pela ação truculenta da polícia.

Vale lembrar que este não é o primeiro registro de ação truculenta da polícia na Arena Corinthians em 2016. Na quarta-feira passada, as organizadas foram expulsas sob golpes de cassetetes do setor Norte após jogo contra o Cerro Porteño. No último dia 2, um torcedor foi arrastado numa escada do setor Sul. Na ocasião, o Corinthians se isentou de responsabilidade e alegou que a PM tem livre arbítrio durante os jogos. Anteriormente, em 11 de fevereiro, parte da torcida alvinegra foi agredida por policiais porque estenderam faixas de protesto nas arquibancadas do setor Norte.

Confira abaixo a nota emitida pelo clube

"A respeito dos problemas ocorridos no último sábado (19), após o jogo Corinthians e Linense pelo Campeonato Paulista, envolvendo a ação da Polícia Militar e o tumulto que atingiu alguns torcedores na saída do estádio, o Corinthians e a Arena Corinthians reprovam e repudiam atos de violência de qualquer espécie.

O Corinthians, preocupado com o bem-estar de seus torcedores e respectivas famílias em seus jogos, solicitou junto à Polícia Militar, esclarecimentos sobre o ocorrido e pediu uma reunião com comando do policiamento para tentar encontrar uma solução para que estes acontecimentos não voltem a ocorrer.

Desde a inauguração da Arena Corinthians, as administrações do clube e do estádio seguem firmes no propósito de receber o torcedor da melhor maneira possível.

Tão logo aconteça a reunião com o comando do policiamento, o Corinthians voltará a se manifestar para informar e dar maior tranquilidade aos seus torcedores."

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes
  • Melhores comentários

    Foto do perfil de Edgard Alan

    Ranking: 2027º

    Edgard 289 comentários

    por @edgard.alan.souza

    Em SP só podem se manifestar os que tem pautas simpáticas ao governador do estado.

  • Foto do perfil de Leonardo

    Leonardo 35 comentários

    por @leomatosn

    Polícia do Sr. Picolé de Chuchu fazendo a mesma coisa de sempre: Batendo em quem protesta contra o seu governo.

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Guilherme

    Ranking: 1º

    Guilherme 41150 comentários

    228º. por @guilherme.teixeira.d

    Finalmente, eita demora pra tudo

  • Foto do perfil de Thiago

    Ranking: 1185º

    Thiago 494 comentários

    227º. por @thiago.meira.ribeiro

    Agora sim...
    Foi textão mais ficou claro..
    Fica brabo não mano...

    Foto do perfil de Paulo

    Paulo 15910 comentários

    22/03/2016 às 10h44 por @dovahkiin

    Por eu estar quase sempre presente, nos jogos do Corinthians, e já ter frequentado o setor, sei como são as coisas. O que eu quero dizer é que, como estou familiarizado com o comportamento dos organizados e da PM, e não tem imagens claras sobre como, de fato, começam as confusões (não sabemos se algum(s) torcedor provocou, antes de apanhar), não dá para dar uma opinião sólida, a respeito desse incidente. O que eu sei é que a PM fé violenta, e os organizados concordaram/assinaram um termo de conduta, que os proíbe de algumas coisas, e, dizem que, nesse termo de conduta se incluí a proibição de faixas de protestos (o que eu não concordo). Espero, agora, ter sido claro em minha posição.

  • Foto do perfil de Anderson

    Ranking: 4933º

    Anderson 93 comentários

    226º. por @andersonrock

    Concordo! Teremos que aguardar esta reunião para saber a posição da Diretoria e do Comando da PM. Só assim haverá uma melhora nestas questões. Pode ter sido o motivo de uma falta de efetivo que ocorre normalmente... Sei lá...

    Foto do perfil de Leandro

    Leandro 26 comentários

    22/03/2016 às 00h00 por @leandrodj

    A pm é paga (si bem ou mal paga não vem ao caso) para fazer a segurança e ela deve agir de forma a conter os arruaceiros e proteger os cidadãos e não tratar todos com a mesma violência. Saudações Corinthianas.

  • Foto do perfil de Anderson

    Ranking: 4933º

    Anderson 93 comentários

    225º. por @andersonrock

    Desculpe mas não vi o protesto da PUC, e se a ação foi arbitrária sou totalmente contra. E também não disse que era a favor daquele momento em Itaquera, os fatos devem ser apurados. Mas pense também, mesmo que eu fosse a favor da PM fora dos estádios ele faria a segurança aos redores do estádio, mas pense ainda que ela não faça nem ao redor do estádio e ocorra uma confusão dessas de torcida se estranhando com torcida, quem fará esta confusão não virar um quebra pau da #$!@% generalizado? Entende? E Vai Corinthians!

    Foto do perfil de Douglas

    Douglas 499 comentários

    22/03/2016 às 00h25 por @douglas.mendonca

    Anderson não é o caso só você olhar o protesto que estava havendo na PUC agora a noite... Pelos vídeos que vi de quem estava lá no momento da confusão o que havia era gritos de revolta e em momento algum vi alguém jogando nada na PM ou usando de vandalismo o que eu vi era que enquanto os estudantes gritavam a PM atrás do escudo acendem bombas e joga no meio do protesto pra dispersar a multidao. E o que se ve depois é parecido com o que houve no estádio bombas da PM explodindo pra tudo que é lado e os estudantes correndo. Que DEUS ajude o Brasil porque a coisa ta fincando feia.

  • Foto do perfil de Anderson

    Ranking: 4933º

    Anderson 93 comentários

    224º. por @andersonrock

    Acredito que seu pensamento é válido mas para o que ocorre nas manifestações pelo Brasil a fora. A cena de Itaquera não se compara a isso porque qual a ligação das manifestações contra o governo e arruaça de alguns torcedores daquele momento? Entende que eu tô falando? E que sentido faria eu ser contra os petralhas e a favor de uma ação da PM (e não disse que estava a favor) pelo motivo dela ser subordinada a outro partido? O que eu sou a favor é pela livre manifestação do pensamento mas sem o descontrole emocional. E Vai Corinthians!

  • Foto do perfil de cristian

    Ranking: 103º

    Cristian 3289 comentários

    223º. por @kiki.ucs

    Opressores a mando dos ladrões de merenda

  • Foto do perfil de GUSTAVO

    Ranking: 4073º

    Gustavo 121 comentários

    222º. por @sarutaia

    Bom falar o que do ditador de sp PSDB (partido sem democracia do Brasil)eles se acham acima do bem e do mal! Torcida do Corinthians é exemplo sempre brigando em causas democraticas é um povo que sofre com o time que sofre com as mazelas da vida e em que em um único dia de alegria é ver sua alma lavada seu sorriso estampado é quando o time do povo entra em campo vou dizer mais uma vez não vivemos de títulos, mas vivemos de Corinthians não tem Pm e nem politicos pra calar nossa voz! Vai Corinthians...

  • Foto do perfil de Willians

    Ranking: 48º

    Willians 5627 comentários

    221º. por @willians.bodybuilder

    Complicado

  • Foto do perfil de Paulo

    Ranking: 11º

    Paulo 15910 comentários

    220º. por @dovahkiin

    Por eu estar quase sempre presente, nos jogos do Corinthians, e já ter frequentado o setor, sei como são as coisas. O que eu quero dizer é que, como estou familiarizado com o comportamento dos organizados e da PM, e não tem imagens claras sobre como, de fato, começam as confusões (não sabemos se algum(s) torcedor provocou, antes de apanhar), não dá para dar uma opinião sólida, a respeito desse incidente. O que eu sei é que a PM fé violenta, e os organizados concordaram/assinaram um termo de conduta, que os proíbe de algumas coisas, e, dizem que, nesse termo de conduta se incluí a proibição de faixas de protestos (o que eu não concordo). Espero, agora, ter sido claro em minha posição.

    Foto do perfil de Thiago

    Thiago 494 comentários

    22/03/2016 às 08h19 por @thiago.meira.ribeiro

    Você esta contradizendo seu comentário anterior...
    Só acho... Disse que não sabe por hora lê os policiais falando, ora olha a torcida... Partindo deste pressuposto não vivencia, por que se assim o fosse estaria nos locais...

  • Foto do perfil de Hugo

    Ranking: 21º

    Hugo 11011 comentários

    219º. por @hugoyp

    Boa diretoria! Se não perderemos público de famílias por esses fatos ridículos.